Uma das medidas mais drásticas, adotadas na pandemia do novo coronavírus foi o fechamento do comércio em Coari. Houve até uma certa radicalização pelo fato de muitos comércios do centro terem recebido placa de lacrados. Muitos comerciantes amargaram prejuízos incalculáveis por conta da paralisação de suas atividades comerciais. A medida de fechar os comércios foi uma medida adotada na maioria dos municípios do Brasil.

Esta semana o prefeito de Coari cogitou a reabertura do comércio. Para esse propósito promoveu uma reunião no gabinete da prefeitura com representantes da Câmara dos Dirigentes Lojistas de Coari, entidades educacionais (IFAM, UFAM e UEA) e outras entidades do município.

A reunião resultou na formação de uma comissão que vai analisar uma proposta enviada pelos comerciantes. Segundo o prefeito "as entidades federais farão um protocolo de biosegurança a ser seguido". Os critérios para este protocolo ainda não foram divulgados.

O prefeito, através da comissão formada, pretende analisar todas as sugestões enviadas pelos para então divulgar um cronograma. Na prática, muitos comércios já estão abertos em Coari. Não é difícil constatar, basta passar no centro da cidade e observar este fato, no entanto, alguns setores continuam totalmente paralisados tais como: escolas, academias e igrejas. 

A prefeitura não divulgou se apenas o comércio voltará a reabertura gradual ou se também outros segmentos serão incluídos. O governo do Estado já divulgou o cronograma para a capital, no entanto, deixou a cargo das prefeituras a reabertura nos municípios.