Header Ads

Rede pública de ensino dá início ao período de transferências e reordenamento para o ano letivo de 2017

Conforme calendário de matrículas disponibilizado pela Secretaria de Estado de Educação e Qualidade do Ensino (Seduc) e pela Secretaria Municipal de Educação (Semed) terá início, no próximo sábado, dia 7 de janeiro, o período de transferências para alunos de todos os níveis de ensino da rede estadual ou municipal matriculados no ano letivo de 2016 e que desejam neste ano de 2017, trocar de escola, motivados por interesse particular, econômico ou social.

O atendimento à população será realizado via internet, por meio do site www.matriculas.am.gov.br, pelo aplicativo "Matrículas Amazonas", ferramenta disponível para smartphones, nas plataformas Android e a partir desta quinta-feira (5), para iOS. O atendimento poderá ser realizado ainda de forma presencial, para quem preferir. As solicitações e confirmação de matrícula serão feitas até o dia 12 de janeiro.

De acordo com a coordenadora da Gerência de Matrículas da Seduc, Irlanda Araújo, após a solicitação de transferência, os pais ou responsáveis pelos estudantes deverão confirmar a matrícula, dirigindo-se à unidade de ensino em que obteve uma vaga.

"Após a solicitação de transferência, os pais ou responsáveis pelos estudantes deverão, obrigatoriamente, comparecer à escola em que obteve a vaga, em até 3 dias úteis, com a documentação necessária para efetivar a matrícula", informou Irlanda Araújo.

Quem optar pelo atendimento presencial, deverá estar atento ao cronograma de atendimento. No dia 9 de janeiro, o atendimento será destinado aos alunos da Educação Infantil; no dia 10, será para os alunos do Ensino Fundamental e EJA (1º ao 5º ano); no dia 11, para estudantes do Ensino Fundamental e EJA (6º ao 9º ano); e no dia 12, o atendimento será direcionado aos estudantes do Ensino Médio e EJA.

Reordenamento

Nesta quinta e sexta-feira (5 e 6 de janeiro), o atendimento será direcionado ao reordenamento, ou seja, o encaminhamento de alunos de escolas sem continuidade de ensino para outra escola, garantindo a continuidade de ensino do estudante.

Para este atendimento, é necessário que os pais ou responsáveis compareçam na escola em que seu filho (a) foi direcionado, levando os documentos necessários, e confirme a matrícula. A Seduc orienta a população a confirmar a matrícula, mesmo que não tenha interesse que o aluno estude na escola designada.

"A nossa orientação é que os pais confirmem a matrícula na escola em que o seu filho (a) foi encaminhado e, se não desejarem que ele permaneça matriculado na unidade de ensino, aguardem até o dia 7 de janeiro para solicitar a transferência. Isso é extremamente importante para que o estudante não corra o risco de ficar sem uma vaga", esclareceu a coordenadora da gerência de matrículas.

Novos Alunos

O atendimento a novos alunos, aqueles que estão entrando na rede estadual ou municipal, iniciará no dia 13 de janeiro de 2017. A partir desta data, os pais ou responsáveis já poderão garantir a reserva de vaga, lembrando que esse procedimento tem validade de três dias úteis. Caso não haja confirmação de matrícula neste período, a vaga estará novamente disponível no sistema.

Para o ano de 2017, o Governo do Amazonas e a Prefeitura de Manaus ofertarão 183.647 vagas em escolas da rede pública de ensino.  Do total de vagas ofertadas, 136.830 serão disponibilizadas pela Seduc em suas escolas estaduais e 46.817 pela Semed. Das vagas para a rede estadual, 65.573 são destinadas às escolas da capital e 71.257 para as unidades de ensino do interior do Estado.  As aulas do ano letivo de 2017 terão início no dia 6 de fevereiro para a rede estadual e 3 de fevereiro para a rede municipal de Manaus.

Documentos necessários para a matrícula

No ato da matrícula, os pais ou responsáveis pelos estudantes deverão comparecer à escola em que obteve a vaga e apresentar os seguintes documentos: comprovante de escolaridade original – guia de transferência ou histórico escolar ou ainda a declaração de transferência com validade de 30 dias; certidão de nascimento (original e cópia); CPF e RG (original e cópia) do responsável pelo aluno menor de idade, obrigatório para os alunos do ensino médio e para os alunos maiores de 18 anos de qualquer ensino; cópia do comprovante de residência (fatura de água, energia elétrica ou de telefone do último mês que anteceder a matrícula); cópia do cartão de vacinação; duas fotos 3×4 recentes; original e cópia do documento de identificação (com foto) do responsável pela matrícula.

Cronograma

Reordenamento – 5 e 6 de janeiro de 2017

Transferência – a partir do dia 7 de janeiro de 2017

Atendimento a novos alunos – a partir do dia 13 de janeiro de 2017

 

Prodam prepara infraestrutura tecnológica para novo portal de matrículas

A partir da madrugada deste sábado (7), inicia-se o período de matrículas na rede pública de ensino (estadual e municipal) e, para isso, a empresa de Processamento de Dados Amazonas S.A. (Prodam) preparou uma infraestrutura tecnológica que inclui servidores web e de aplicação, equipamentos de segurança e banco de dados, além de uma equipe técnica disponível 24 horas, tudo para atender alunos e responsáveis durante a matrícula.

Para acessar o Portal de Matrículas (www.matriculas.am.gov.br), basta inserir o código do aluno, que pode ser encontrado impresso no boletim escolar.  Se o aluno não possuir o código, é possível realizar a matrícula com o nome do aluno, da mãe e a data de nascimento. É importante estar com os documentos em mãos para agilizar o processo.

Entre as novidades que a Prodam trouxe para o portal de matrículas está a praticidade na busca pela escola, que agora pode ser feita por bairro. Assim, o aluno pode optar pela instituição mais próxima de sua casa, além de poder visualizar a localização das escolas.

A equipe da Prodam também foi a responsável pela navegabilidade do portal. "Ele passou a ter um design responsivo, permitindo que o internauta acesse o site em qualquer dispositivo móvel, além de carregar as informações com maior rapidez", informou Gilson Sena, analista da Prodam responsável pelo projeto.

No ano passado, o Sistema de Gestão Integrado Educacional do Amazonas (Siegam) registrou o aumento de 819,61% nas matrículas realizadas via internet. E a expectativa é que esses números aumentem, já que a população ganhou mais uma ferramenta, o aplicativo Matrículas Amazonas, lançado no último mês e que já registrou mais de 15 mil downloads. A ferramenta está disponível na loja de aplicativos Play Store e Apple Store.

Assim como no site, através do aplicativo o usuário também poderá ter acesso ao calendário de matrículas e transferências, além de consultar as vagas disponíveis. O app Matrículas Amazonas 2017 é mais um produto desenvolvido pela Prodam com o objetivo de proporcionar aos cidadãos a comodidade de ter acesso aos serviços de governo na palma da mão.




Nenhum comentário

1. O Blog em Destaque reserva-se o direito de não publicar ou apagar acusações insultuosas, mensagens com palavrões, comentários por ele considerados em desacordo com os assuntos tratados no blog, bem como todas as mensagens de SPAM.

Tecnologia do Blogger.