Header Ads

No dia seguinte aos protestos, Dilma reúne coordenação política



Encontros do grupo têm sido semanais para avaliar cenário político.
Presidente conversou com ao menos cinco ministros do governo.

A presidente Dilma Rousseff reuniu na manhã desta segunda-feira (13) no Palácio do Planalto integrantes da coordenação política do governo, da qual fazem parte o vice-presidente Michel Temer e ministros do PT, PMDB, PC do B e PSD. O assunto da reunião não foi divulgado pela Secretaria de Comunicação Social.

Participaram da reunião desta segunda, além de Dilma e Michel Temer, ao menos cinco ministros, que tiveram a presença confirmada pelas suas assessorias: Aloizio Mercadante (Casa Civil), Miguel Rossetto (Secretaria-Geral), Gilberto Kassab (Cidades), Eliseu Padilha (Aviação Civil) e José Eduardo Cardozo (Justiça).

A coordenação política do governo tem se reunido uma vez por semana, geralmente às segundas-feiras pela manhã, para avaliar o cenário político e definir estratégias que serão adotadas nos próximos dias. Participam deesses encontros os conselheiros políticos da presidente Dilma.

Neste domingo (12), cerca de 700 mil pessoas, segundo a Polícia Militar, voltaram às ruas em 24 estados e no Distrito Federal para protestar contra o governo Dilma, o PT e a corrupção. Após os protestos, Temer afirmou que o governo está "atento" às reivindicações. Segundo o Blog do Camarotti, para Dilma, a opinião do vice reflete a avaliação do Palácio do Planalto.

Também neste domingo, o instituto Datafolha divulgou pesquisa na qual 13% dos entrevistados disseram avaliar o governo como "ótimo ou bom". O levantamento apontou também que 60% dos entrevistados consideram a gestão Dilma Rousseff "ruim ou péssima"; e 27%, "regular".

Desde as manifestações de março, após essas reuniões ministros falam à imprensa no Palácio do Planalto o que foi discutido, detalham os pedidos da presidente Dilma e dizem quais ações o governo adotará - por exemplo, depois de um dos encontros, o ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, disse que o governo "está escutando" todos os protestos que ocorrem pelo país.

Nenhum comentário

1. O Blog em Destaque reserva-se o direito de não publicar ou apagar acusações insultuosas, mensagens com palavrões, comentários por ele considerados em desacordo com os assuntos tratados no blog, bem como todas as mensagens de SPAM.

Tecnologia do Blogger.