Header Ads

Senador Eduardo Braga ouve a população de Novo Aripuanã

As necessidades e anseios da população de Novo Aripuanã foram ouvidos na manhã deste sábado (07/06) pelo senador Eduardo Braga, presidente regional do Partido do Movimento Democrático Brasileiro (PMDB), durante a realização de mais uma edição do projeto "O PMDB ouve você". O projeto tem o objetivo de ouvir o povo para a construção de um plano de governo que seja baseado nas verdadeiras demandas dos Amazonenses.

Acompanhado por uma comitiva que incluía o ex-senador João Pedro, os deputados estaduais Sinésio Campos e Vicente Lopes, o vereador da capital Massami Miki, e os ex-secretários estaduais Gedeão Amorim e Alessandra Campelo, Eduardo Braga ouviu as demandas de representantes dos professores, pescadores, mototaxistas, além de líderes comunitários e estudantes.

O asfaltamento da estrada que liga Novo Aripuanã a Apuí foi reivindicado por líderes de diversos segmentos. A crescente violência, que tem feito vítimas entre os jovens do município, também foi citada diversas vezes. O representante do setor moveleiro e madeireiro da cidade pediu mais atenção à atividade, que gera muito emprego e renda no município.

"Vim ver o povo, conversar com o povo. Compreender as demandas do povo daqui. Ver como estão os investimentos do Governo Federal aqui. Quero ouvir para compreender mais, para ter o sentimento do povo de Novo Aripuanã" , disse o senador.

Após ouvir os depoimentos dos cidadão de Novo Aripuanã, Eduardo Braga se pronunciou novamente. "Prestei muita atenção na fala de cada um de vocês. E li com muita atenção as cartas que me foram entregues. O que o ouvido não ouve e os olhos não veem, o coração não sente. Confiar é bom, mas conferir é muito melhor. Estou muito alegre de estar em Novo Aripuanã, mas estou muito triste de ver o quanto a cidade está abandonada", declarou.

Eduardo Braga também levou uma boa notícia aos habitantes de Novo Aripunã: uma emenda parlamentar, de sua autoria, conseguiu verba para a construção de um Centro de Esporte e Lazer na cidade. "O dinheiro já está depositado na conta da prefeitura para iniciar a obra. Agora vocês têm que fiscalizar e cobrar. Não temos como fazer obras aqui se não for por meio do Estado ou da prefeitura", alertou o senador.

Nenhum comentário

1. O Blog em Destaque reserva-se o direito de não publicar ou apagar acusações insultuosas, mensagens com palavrões, comentários por ele considerados em desacordo com os assuntos tratados no blog, bem como todas as mensagens de SPAM.

Tecnologia do Blogger.