Header Ads Widget

Recent Comments

header ads

EM COARI, VEREADOR MÁRCIO ALMEIDA GANHA DISPUTA PELO CARGO

Na batalha jurídica com o ex-vereador Márcio Chamy,  Márcio Almeida ganha disputa pelo mandato. 


Entenda o caso



No dia 25 de novembro do ano passado, a vereadora Cleiciane da Cruz, teve seu mandato cassado por crime eleitoral pela juíza de Coari, Dinah Fernandes. A decisão da juíza é consequência de denúncias feitas logo após as eleições municipais de 2012, quando chegaram à Justiça Eleitoral de Coari documentos e depoimentos envolvendo a recém-eleita vereadora e seu marido, o ex-vereador de Coari e médico perito do INSS, Natanael Alencar, de que eles teriam um esquema de troca de votos por benefícios do INSS.

A vaga aberta com a cassação da vereadora foi ocupada pelo estudante de Direito, o primeiro suplente Marcio Almeida, da mesma coligação de Cleiciane da Cruz, até que a juíza eleitoral de Coari Dinah Câmara procedeu a retotalização de votos considerando nulos o voto de Cleiciane Cruz com a decisão de seu mandato. Com essa mudança, tomou posse no dia 23 do mês de Março de 2015 Márcio Oliveira.

Em abril de 2015, Márcio Almeida conseguiu liminar em mandado de segurança dada pelo juiz plantonista do Tribunal Regional Eleitoral do Amazonas, Dídino Santana Barros Filhos, que cassou a decisão da juíza Dinah Câmara Fernandes de Souza, da 8ª Zona Eleitoral e com a decisão Márcio Almeida voltou a assumi a cadeira de vereador em Coari substituindo o segundo suplente Márcio Ayone Chamy de Oliveira.

E agora, no mês de agosto de 2015, os desembargadores do Tribunal Regional Eleitoral julgaram o mérito do assunto, decidindo que os votos não deveriam ser anulados, mas mantidos em favor da legenda pelo qual Márcio Almeida havia se candidatado, decisão que o mantém no cargo.

Postar um comentário

0 Comentários

Random Posts

header ads