A loja mais completa e o crediário mais fácil da cidade.

A loja mais completa e o crediário mais fácil da cidade.
Vem pro Chora!

Pedidos On Line

Pedidos On Line

RIFÃO

RIFÃO
Mil reais Compra chora Pra Vender Fiado 1 ano de academia 1 Jantar a dois no shushiburger 1 Pct redução de medidas (5 sessoes massagem modeladora) Companhia de Estética e Beleza Magras 1 look Ele&Ela 1 ano academia SuarFit 1 combo suplementos Farma Norte (Cafeina, BCCA e Whey) 1 pacote cilios fio a fio natural +design de sobrancelhas completo + depilação: buço+axilas (Espaço beleza Joyce Nascimento) 1 Bronzeamento (Joyce Bronzeamento)

Vem pro Mundo das Delícias!

Vem pro Mundo das Delícias!
#LorinhoPizzaeSorvete PizzaDelivery: (97)9 8117-4097 (97) 9 8408-8097 (97) 9 8127-2257 (97) 9 9164-3178 3561-9474 97 8117-4097 (Whatsapp)

23 de setembro de 2017

MORTE DE BRITÂNICA EVIDENCIA A ROTA DO TERROR QUE SE TORNOU O SOLIMÕES NA PROXIMIDADE DE COARI

A britânica assassinada no município de Coari, foi avisada do perigo, mas
não tinha ideia de o quanto era perigoso passar pela rota do terror, que se tornou o Rio Solimões.

Não é de hoje que temos alertado para o fato que o Rio Solimões, principalmente no trecho entre o município de Coari, é um trecho extremamente perigoso. Foi-se o tempo em que viajar pelo nosso município era reviver o contato com a natureza, a muito tempo os rios de Coari deixaram de expressar a tranquilidade bucólica de uma cidadezinha interiorana. Nem mesmo os ribeirinhos se sentem à vontade em viajar para suas casas, e qualquer viagem no trecho é acompanhada de um suspense sem fim.

Tudo isso porque os rios de nosso município se tornaram rios do terror, local onde muitas vidas já foram ceifadas e jogadas nas águas barrentas do Solimões, tendo suas vísceras arrancadas, corpos esquartejados, como se fossem nada, como se fossem dejetos humanos. No epicentro de tanta violência a briga pelo domínio da droga! Os bandidos pegam os que vêm transportando drogas da fronteira, matam, jogam os corpos nos rios e ficam com "a mercadoria". O problema é que qualquer um navegante pode ser confundido com alguém que leva drogas, como foi o caso da britânica Emma Kelty.

São inumeráveis os casos de "peruanos" que foram mortos e jogados nos rios. Dentre estes, fica a indagação: Todos seriam envolvidos com drogas ou no meio de tantos há mais inocentes que foram jogados nas águas barretas do Solimões e deixados ao esquecimento? O caso da britânica chama a atenção do mundo para o problema e deveria chamar a atenção das autoridades federais brasileiras, para por fim a esta rota de terror, que é navegar por este trecho dentro dos limites geográficos de Coari.

Se a região é crítica, e está provado que é, as autoridades deveriam focar a atenção para o combate dos Piratas do Rio. A presença de uma ação policial constante, com uma base flutuante nos limites do alto e do baixo rio já intimidaria bastante a ação dos bandidos. Helicóptero, drones e lanchas vasculhado a área seriam úteis para intimidar os bandidos. Algo precisa ser feito com urgência para devolver a tranquilidade ao local e para apagar esta mancha terrível que está sobre o município de Coari.

3 comentários:

  1. Realmente caro Daniel, nossa querida Coari, se tornou famosa nos últimos 15, 20 anos devido a descoberta do petróleo e gás natural. Mas de uns dez anos pra cá, Coari vem sendo evidenciada negativamente! É ROUBO nos cofres públicos do município, é assalto aos moradores por ladrões pé-de-chinelo, É trafico de drogas que nos amedronta terrivelmente, é assassinato constantemente que é perigoso até sairmos nas ruas de nossa cidade. Infelizmente as autoridades se acomodaram e nos parece que compactuam muitas vezes com os bandidos, principalmente com os traficantes. Ao meu ver, somente as forças federais podem resolver ou pelo menos amenizar essa situação de insegurança que estamos vivendo. Na zona rural a situação não é diferente!

    ResponderExcluir
  2. De fato na zona rural a situação tá complicada! No lago de Coari, tem ladrões escondidos no Curiarran, Boari, Andirá e outras comunidades. Além dessas comunidades existem bandidos em algumas localidades do Rio Urucu e Rio Aroã...É preciso que as autoridades hajam com rigor para acabar com esses bandidos, eu disse ACABAR de uma vez por todas...

    ResponderExcluir
  3. Para pelo menos tentar amenizar essa bandidagem que atua no trecho Tefé/Coari e Coari/Manaus é preciso que a policia federal fiscalize com mais rigor e intensidade toda essa área citada neste comentário. É preciso eliminar traficantes e assaltantes sem dó nem piedade. As autoridades tem que se vestir de coragem porque senão as coisas vão continuar como estão, super perigoso! Tem muita gente torcendo para que as forças armadas assumam o governo do Brasil e isso no meu ver é preocupante...Eu sei que os políticos brasileiros são em sua maioria corruptos, mas será que uma ditadura vai resolver os problemas que hoje afligem o nosso País? Fiquemos atentos!!!

    ResponderExcluir

1. O Blog em Destaque reserva-se o direito de não publicar ou apagar acusações insultuosas, mensagens com palavrões, comentários por ele considerados em desacordo com os assuntos tratados no blog, bem como todas as mensagens de SPAM.