A guarnição de serviço do 5° BPM do segundo turno, desta terça feira, composta pelo Sargento Edson Santos, cabo Paulo Muniz e soldado R. Gomes, prenderam Evanilson Gama da Costa, 24 anos, conhecido como Baía, residente no beco Maria Almeida, 61 pera 2, município de Coari. 

Ele é suspeito de ser a pessoa que matou e esquartejou a canoísta britânica, no último dia treze, nas margens do rio Amazonas, zona rural do município de Coari. Aguarnição chegou ao acusado, através de populares, informando que, na mata próximo ao campo de futebol do Pera, haviam escutado vários disparos de arma de fogo e gritos. A guarnição entrou na mata citada e tempo depois avistaram um elemento gritando, foi reconhecido como sendo Baía. 

Foi dada voz de prisão pela polícia e o mesmo informou que outro bandido, chamado de Netinho da rua Padre Mario e sua turma, haviam atirado nele. Segundo ele a turma do Netinho imaginava que ele tinha roubado jóias e dinheiro da gringa e eles queriam o produto do roubo. O acusado foi conduzido para o hospital, com um tiro na costela esquerda e um na perna direita.