Vereador é preso por dar tapas no rosto de companheira de 15 anos em MT

Um vereador do município de Porto Alegre do Norte (1.125 km a Nordeste) foi preso pela Polícia Judiciária Civil, na tarde de terça-feira (18.07), acusado de cometer crimes de violência doméstica e cárcere privado, contra a companheira de 15 anos que está gestante de cinco meses. O parlamentar, Aldenor Lima da Silva (PSB), 38 anos, conhecido como "Cueca", foi autuado por lesão corporal e cárcere privado no âmbito da Lei Maria da Penha.

Por se tratar de vítima menor de idade, o Conselho Tutelar foi chamado para acompanhar o caso. As diligências iniciam após a Polícia ser acionada para atender uma ocorrência de briga, que ocorria na padaria do suspeito, no bairro Setor Aeroporto.

Logo que os policiais chegaram ao local à discussão já havia acabado. No entanto, a vítima relatou que durante o desentendimento, o companheiro a agrediu com tapas no rosto e puxões de cabelo, e depois a trancou num cômodo dentro de uma casa localizada em frente à padaria.

Diante dos fatos, o vereador foi levado à Delegacia de Polícia de Porto Alegre do Norte e interrogado pelo delegado de polícia, Valmom Pereira da Silva. Depois de ser autuado em flagrante por violência doméstica e cárcere privado, A.L.S. foi encaminhado para Cadeia Pública local, à disposição da Justiça.

Comentários