Header Ads

REVIRAVOLTA: MELO NÃO VOLTA AO GOVERNO DO AMAZONAS.



Em comunicado ao presidente do Tribunal Superior Eleitoral, Gilmar Mendes, o ministro Ricardo Lewandowski, do Supremo Tribunal Federal (STF)  informou que concedeu liminar suspendendo a realização das eleições no Amazonas até que sejam julgados todos os recursos contra a cassação de José Melo e Henrique Oliveira.
No comunicado, Lewandowski esclarece que a decisão refere-se apenas à realização das eleições. Com isso, Melo e Henrique devem continuar afastados do governo e David Almeida segue como chefe do Executivo Estadual até que os recursos sejam julgados.
A íntegra da liminar de Lewandowski, publicada hoje no Diário da Justiça, não deixava claro que aspectos do acórdão sobre a cassação de Melo e Henrique devem ter o cumprimento suspenso. O texto da liminar dá a entender que o acórdão todo estava suspenso. O imbróglio só foi esclarecido no comunicado do ministro ao TSE, quando ele afirma que "tão somente" a realização de novas eleições deve ser  interrompida.

Nenhum comentário

1. O Blog em Destaque reserva-se o direito de não publicar ou apagar acusações insultuosas, mensagens com palavrões, comentários por ele considerados em desacordo com os assuntos tratados no blog, bem como todas as mensagens de SPAM.

Tecnologia do Blogger.