29 de março de 2017

REFÉNS DA VIOLÊNCIA, COARIENSES PERGUNTAM: "ATÉ QUANDO"?



Na noite desta terça-feira (29) de março aconteceu o que muitos temiam: uma bala perdida atingiu uma criança, um inocente, após uma tentativa de homicídio no bairro Chagas Aguiar, município de Coari.

O fato aconteceu por volta das 20h15min, na Rua Plinio Coelho, nº 842, Bairro Chagas Aguiar. O fato foi relatado assim pelo policial que atendeu a ocorrência: "A guarnição comandado pelo Sd PM Paulo Muniz, foi averiguar uma denúncia de Disparos de Arma de Fogo e Tentativa de Homicídio. Chegando ao local, segundo informações de testemunhas, 02 (dois) infratores chegaram em frente à residência no endereço acima informado, em uma motocicleta, e efetuaram diversos disparos contra a casa, vindo a alvejar na parte lombar, uma criança de 11 anos de idade (nome ainda não informado), e que logo em seguida os infratores empreenderam fuga, não sendo possível identificar os autores dos disparos. A criança foi encaminhada ao Hospital local, para receber cuidados médicos. Felizmente a criança está fora de perigo", mas o fato chocou os coarienses pelo grau de perigo que todos estão.

Uma exclamação ecoou, feita pelos coarienses que moram e que criam os seus filhos em Coari: "Até quando?". Reclamações diversas foram feitas nas redes sociais sobre o assunto com o tom de protesto pela falta de resposta das autoridades competentes. O fato aconteceu no dia em que o prefeito de Coari Adail José Figueiredo anunciou que "ainda esta semana chegará mais 15 homens para aumentar o efetivo policial em Coari, e o início de operações especiais para tirar de Coari os traficantes". O risco é iminente de violência e a resposta das autoridades tem que ser rápida e prática. Precisa sair do discurso e se tornar realidade.

Um comentário:

  1. Daniel, boa tarde! Quando teremos eleições para elege o PREFEITO para Coari?? Pois Coari continua sem prefeito.

    Veterano

    ResponderExcluir

1. O Blog em Destaque reserva-se o direito de não publicar ou apagar acusações insultuosas, mensagens com palavrões, comentários por ele considerados em desacordo com os assuntos tratados no blog, bem como todas as mensagens de SPAM.