Header Ads

Nomes revelados... A classe política representada

Lava Jato Nova lista de Janot tem Dilma, Lula e cinco ministros

Procuradoria-geral da República pediu a abertura de 83 inquéritos contra parlamentares e ministros citados na megadelação da Odebrecht
Na nova lista de alvos da Operação Lava Jato com direito a foro privilegiado, enviada pelo procurador-geral da República, Rodrigo Janot, ao Supremo Tribunal Federal (STF) nesta terça-feira, estão presentes pelo menos cinco ministros do governo do presidente Michel Temer. São eles: Eliseu Padilha (PMDB), da Casa Civil; Moreira Franco (PMDB), da Secretaria-Geral da Presidência; Gilberto Kassab (PSD), das Comunicações; Bruno Araújo (PSDB), das Cidades; e Aloysio Nunes Ferreira (PSDB), das Relações Exteriores.
O pacote inclui ainda parlamentares de peso, como os presidentes do Senado e da Câmara, Eunício Oliveira (PMDB) e Rodrigo Maia (DEM), respectivamente. Segundo o jornal Folha de S. Paulo, também são relacionados os senadores Romero Jucá, Renan Calheiros e Edison Lobão, do PMDB; Aécio Neves e José Serra, do PSDB.
Além deles, também constam os nomes dos ex-presidentes Dilma Rousseff e Luiz Inácio Lula da Silva e dos ex-ministros Antonio Palocci e Guido Mantega, que não têm direito à prerrogativa de foro e cujos casos devem ser remetidos à primeira instância.

Nenhum comentário

1. O Blog em Destaque reserva-se o direito de não publicar ou apagar acusações insultuosas, mensagens com palavrões, comentários por ele considerados em desacordo com os assuntos tratados no blog, bem como todas as mensagens de SPAM.

Tecnologia do Blogger.