CARNAVAL 2017 - ‘Maués Folia’ oferece carnaval e praia na temporada de Momo

Uma opção para quem não abre mão da alegria e das festas da temporada carnavalesca, mas também quer aproveitar o feriadão para descansar em praias belíssimas e limpas, com infraestrutura, segurança e preços convidativos, é o Maués Folia, um dos mais tradicionais festejos da temporada no interior do Amazonas e promovido pela Prefeitura da Terra do Guaraná nos dias 25 a 28 deste mês.

Com uma extensa programação que inclui desfiles de blocos nas ruas da cidade, apresentações de escolas de samba e shows musicais, a expectativa da Prefeitura é reunir 30 mil foliões e turistas. 


A festa começa todos os dias, a partir das 18h, o que dá aos foliões visitantes o dia inteiro para curtir muitos quilômetros de praias de areia branca e águas limpas.


        A primeira parada é na Praia da Pontada Maresia, uma das mais belas e conhecidas do Estado, e fica na região central da cidade. Também na sede ficam as praias do Ramalho Júnior e Antártica, que possui um calçadão com quiosques e restaurantes para seus frequentadores.


        Na outra margem do Maués-Açu, na frente da cidade, estão as praias da Vera Cruz e do Lombo, ambas com águas tranquilas e estrutura para atender aos visitantes. "Além das praias, temos uma variedade de roteiros que incluem trilhas monitoradas, flutuantes e atividades em diversos pontos da cidade", explicou o prefeito Júnior Leite.


        O prefeito também destacou que haverá um reforço no esquema de segurança durante todo o evento, com aumento do efetivo de policiais, em parceria com o governo estadual, e também a equipes privadas que vão atuar diretamente na festa.     

 

ESTRUTURA


        O setor hoteleiro de Maués conta com seis unidades na área urbana e duas pousadas na Ilha de Vera Cruz, com diárias, a partir de R$ 100, em média. "Junto a Amazonastur, realizamos oficinas para taxistas, mototaxistas, funcionários dos hotéis e do comércio em geral com orientações sobre o atendimento aos turistas e visitantes", destacou Júnior.  


Para chegar em Maués (a 268 km de Manaus em linha reta) a opção mais viável e econômica é via fluvial. Todos os dias saem da Manaus Moderna e do Porto no Centro (Roadway) barcos regionais. A viagem tem duração de 17 horas e custa R$ 100 em média.


Outras opções mais rápidas são as lanchas rápidas (a jato) que partem de Itacoatiara (a 270 de km de Manaus em linha reta) e demoram 5 horas para chegar na Terra do Guaraná. Excepcionalmente neste sábado (25) de Carnaval, haverá lanchas saindo diretamente do Porto de Manaus ao custo de R$ 120 por pessoa.

 

spacer

Eduardo Braga avalia como expressiva votação obtida por Moraes para o STF

O senador Eduardo Braga (PMDB/AM) avaliou, nesta quarta-feira (22/02), como "expressiva" a votação que aprovou por 55 votos favoráveis e 13 contrários o nome de Alexandre de Moraes para o cargo de ministro do Supremo Tribunal Federal (STF). Ele ocupará a vaga do ministro Teori Zavascki, falecido em 19 de janeiro.  

"O resultado é mérito do indicado, que demonstrou, durante todo esse processo, o seu conhecimento jurídico e suas convicções com muita clareza", afirmou o parlamentar, que foi o relator da indicação de Moraes na Comissão de Constituição,  Justiça e Cidadania (CCJ) do Senado.

Questionado se era favorável a mudanças no atual modelo de escolha de nomes ao STF, feito pelo presidente da República com aprovação do Senado, Eduardo Braga disse estar aberto ao debate, desde que "não seja contaminado pela discussão da atual indicação".

"O debate tem que ser feito no Legislativo, com participação da população e não pode ser contaminado pela recente indicação. A Suprema Corte é o grande esteio do estado democrático de direito. É lá que os direitos constitucionais são preservados e exercidos. Acho bom o debate, mas em tempo certo e maduro", avaliou.

Representatividade – Eduardo Braga adotou o mesmo tom ao ser perguntado sobre possíveis modificações no sistema político e de representatividade. "Se há desejo de mudança, é preciso discutir a questão", disse ele.

spacer

Ministério do Turismo vai investir R$ 20 milhões em campanha de divulgação da Amazônia Legal

Em audiência realizada em Brasília, nesta quarta-feira, 22 de fevereiro, o Ministério do Turismo (MTur) anunciou o investimento de R$ 20 milhões para a realização de uma ampla campanha, divulgada no mercado nacional e internacional, de promoção do turismo nos Estados da Amazônia Legal.
A medida vem em resposta ao pedido realizado há cerca de um mês, pelo Fórum das Secretarias de Comunicação da Amazônia Legal, em conjunto com as secretarias de turismo dos Estados, que também tiveram representantes durante o evento.
No encontro, a secretária nacional de Qualificação e Promoção do Turismo, Teté Bezerra, disse ainda que o ministro do Turismo, Marx Beltrão, determinou que a campanha seja concebida e finalizada até maio, para que seja apresentada durante o 14º Encontro de Governadores da Amazônia Legal, já programado para ser realizado em Rondônia.
 "A intenção do ministro é apresentar e então iniciar a divulgação já em junho e julho, aproveitando o período do verão amazônico, como foi sugerido. Importante destacar que dentro do planejamento do Ministério do Turismo entendemos a importância de promover as potencialidades da Amazônia e essa proposta do Fórum vem ao encontro com nossos anseios. Acredito que juntos faremos um excelente trabalho", comentou a secretária Teté Bezerra.
Integração - A campanha é uma das ações conjuntas que o Fórum das Secretarias de Comunicação, formado pelos nove estados da Amazônia Legal, está desenvolvendo. O grupo foi oficializado com intuito de unir esforços na realização de ações e atividades na gestão pública voltada para a comunicação, em virtude das afinidades que possuem e dos desafios, que são semelhantes.                      
"O que observamos é uma maior integração em que a Amazônia Legal é vista de maneira estratégica para o Brasil. Neste aspecto uma grande campanha de publicidade como a que será executada não vai apenas mostrar nossa região para o país, também vai proporcionar incremento do setor turístico e alavancar a economia local. Esse foi um pleito nosso, dos secretários de comunicação da Amazônia e junto com as secretarias de turismo dos nossos estados vamos contribuir para o material que será produzido", afirmou o secretário de Comunicação do Amazonas, Amaral Augusto, que também é o secretário-executivo do Fórum Permanente das Secretarias de Comunicação dos Estados da Amazônia.

FOTOS - DIVULGAÇÃO

spacer

Maués recebe oficina de nivelamento turístico

Maués é o primeiro município a receber a Oficina de Nivelamento Turístico que o Governo do Amazonas, por meio da Empresa Estadual de Turismo (Amazonastur), vai realizar nos municípios do Estado neste primeiro semestre. A oficina, que iniciou nesta quarta-feira (22) e prossegue até amanhã, está ocorrendo no Museu do Homem, localizado no centro do município.
De acordo com a presidente da Amazonastur, Oreni Braga, nesses dois dias de oficina os participantes vão trabalhar os principais temas da atividade turística: Atendimento Turístico; Turismo e Hospitalidade; Educação Patrimonial; Legislação Turística; Educação Ambiental; Qualidade no Atendimento Turístico; Turismo como Alternativa Econômica no Amazonas e Segmentos do Turismo.
Está é uma das inúmeras ações que a Amazonastur estará realizando em Maués e iremos aproveitar o período carnavalesco para realizar a Campanha de Combate à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes no Turismo, em parceria com o Conselho Tutelar do município", informou a titular do Órgão Estadual de Turismo.
Além dessas ações, a Amazonastur vai fazer um 'Raio-X' dos atrativos turísticos do município, afim de conhecer a potencialidade de cada um. "Começamos por Maués, mas iremos também passar ainda neste semestre pelos municípios de Nhamundá, Barreirinha, Boa Vista do Ramos, Iranduba e Manacapuru", informou Oreni Braga.
Carnaval – Aproveitando o período carnavalesco, a Amazonastur começou nesta quarta-feira (22) a Campanha de Combate à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes no Turismo. Os colaboradores do Órgão Estadual de Turismo, do Conselho Tutelar e do Centro de Referência Especializado de Assistência Social (CREAS) fizeram uma ação nos hotéis, restaurantes e barcos.
"A Prefeitura, por meio da secretária Ellen Mendonça, está nos dando total apoio nessas ações, pois sabe da importância de trabalhar o destino turístico em todas as suas vertentes e conscientizar todos os prestadores de serviços turísticos, além dos parceiros locais (UEA, CETAM, SENAC, SEBRAE, IFAM e IDAM) é o melhor caminho para obtermos êxito nas ações", completou Oreni.
Qualificação – Em 2017, o Governo do Amazonas, por meio da Amazonastur, irá realizar ações de capacitação e qualificação nos municípios (Manaus, Parintins, Presidente Figueiredo, Rio Preto da Eva e Tefé) por meio do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec). Os cursos técnicos do Pronatec, que terão 800 horas de duração, são: Técnico em Agenciamento de Viagens; Técnico em Eventos; Técnico em Guia de Turismo; Técnico em Hospedagem; Técnico em Lazer e Técnico em Serviços de Restaurante e Bar.
Com o apoio do Centro de Educação Tecnológica do Amazonas (Cetam), a Amazonastur vai disponibilizar ainda cursos de Condutor de Embarcação Turística, Manipulação de Alimentos e Gastronomia, Atendimento ao Cliente/Turista, Treinamento de Condutor de Pesca Esportiva, Gestão de Negócios Turísticos, Condutor de Turismo, Formatação de Sistema de Trilhas Interpretativas; Gestão Hoteleira, Formatação de Roteiros Turísticos e Técnicas de Horticultura. Esses cursos serão destinados para as comunidades de Paricatuba, Acajatuba, Janauary (Iranduba); Comunidade Nossa Senhora de Nazaré (Zé Açu/ Parintins); Comunidade Divino Espírito Santo (Parintins); Comunidade Bom Socorro (Parintins); Menino Jesus do Açutuba (Iranduba); Nossa Senhora de Fátima (Ilha da Paciência/Iranduba).
spacer

Senador Eduardo Braga utiliza participação popular em sabatina de Alexandre de Moraes

Após receber a tarefa de ser o relator da indicação de Alexandre de Moraes ao cargo de ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), o senador Eduardo Braga (PMDB/AM) recebeu mais de 1.300 manifestações populares solicitando a inclusão de assuntos importantes na sabatina realizada nesta terça-feira (21/02), na Comissão de Constituição e Justiça do Senado.

"Neste processo, recebemos uma participação efetivamente inédita e extraordinária da sociedade brasileira. Manifestações estas que representaram questionamentos jurídicos e da atualidade da vida brasileira. Houve manifestações de apoio e contrárias à indicação, como é do papel e da correção da democracia. Muitas dessas perguntas foram analisadas e usadas na sabatina", declarou Braga.

Na ocasião, o senador reafirmou que elaborou um parecer eminentemente técnico, no qual ficou reconhecido que Alexandre de Moraes preenche todos os requisitos legais para o cumprimento do cargo.

Na condição de relator, Eduardo Braga foi o primeiro a questioná-lo na sessão de sabatina, dando preferência e apresentando as perguntas enviadas por cidadãos de todos os estados brasileiros, via o sistema de comunicação do Senado da República.

Entre os temas abordados: direito à saúde, medidas para melhorar o Direito Processual no país, a situação do sistema prisional, a lei de execução penal, segurança pública, bem como a atuação de Alexandre de Moraes em favor de empresa supostamente ligada a organização criminosa Primeiro Comando da Capital (PCC) e a acusação do crime de plágio.

Parlamentar eleito pelo Amazonas, Eduardo Braga aproveitou para indagar Alexandre de Moraes sobre matéria tributária, com relação às isenções fiscais e benefícios fiscais previstos na Comissão brasileira no que tange à questão da Zona Franca de Manaus.

Braga questionou "qual a visão do candidato a vaga do STF em relação aos direitos e obrigações do Poder Executivo, seja União, Estados e Municípios, com relação a benefícios fiscais estabelecidos na Constituição e que algumas vezes, por ações ou normas administrativas, acabam sendo suspensos e até mesmo autuados por receitas estaduais e pela Receita Federal? É possível ao Poder Público criar incentivos tributários diferenciados para regiões, que não estejam previstos na Constituição da República?"

 

O senador afirmou que há possibilidade de empresas situadas na Zona Franca de Manaus creditarem-se de valores relativos ao Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) na entrada de matérias primas e insumos isentos desse tributo. Além de explicar que esse tributo é imprescindível para  a manutenção das vantagens comparativas, ele citou as vantagens e os incentivos fiscais constitucionais que mantêm a atratividade de investimentos que geram emprego, renda, desenvolvimento econômico e social, garantindo a sustentabilidade ambiental e a preservação da biodiversidade da Floresta Amazônica.

Foto: Vagner Carvalho

spacer

Rio Preto da Eva recebe apresentação de investimentos para a piscicultura

Mais de 100 piscicultores do município de Rio Preto da Eva (a 57 quilômetros de Manaus) participaram no último sábado, 19 de fevereiro, do 1° Encontro de Piscicultura da região. Promovido pela prefeitura do município em parceria com o Governo do Amazonas, por meio do Sistema Sepror - Idam, Adaf, Sepa e ADS -, o encontro serviu, também, para apresentar aos piscicultores as propostas de investimento para o setor dentro da Nova Matriz Econômica Ambiental. 

 

O município, segundo o secretário executivo de Pesca e Aquicultura da Sepa, Tomás Sanches, será contemplado com a construção de 150 hectares de viveiros escavados. Os investimentos seguem a proposta do Governo do Amazonas dentro da Matriz Econômica que tem como carro chefe, no município, alavancar a produção de pescado. 

 

"Rio Preto da Eva é apontado no país e no Amazonas como um dos maiores produtores de pescado. A proposta do governo é trabalhar com o potencial dos municípios alavancando a economia local. Por isso os investimentos para esse setor estão integrados num trabalho em parceria com a prefeitura local", destacou Tomás.

 

Outras áreas também serão reforçadas, de acordo com Tomás, entre elas a Assistência Técnica (Ater), através do Idam, a orientação necessária para que os produtores possam realizar qualquer tipo de financiamento seja pelo Banco do Povo ou do Fundo de Promoção Social (FPS) e outros meios que facilitam e fortalecem o trabalhador do campo. 

 

Além do anúncio dos investimentos, o encontro debateu três pontos importantes para o setor: a Proposta para a Piscicultura Familiar de RPE, com o chefe de Departamento do município, o Licenciamento Ambiental na Piscicultura Familiar e o custo de produção na Piscicultura Familiar. 

 

Produção - Anualmente Rio Preto da Eva produz mais de 8 mil toneladas de pescado movimentando em torno de R$ 50 milhões. A área de produção no município chega a 500 hectares. Como maior produtor de pescado do Estado, a cidade abastece o mercado dos municípios da região metropolitana de Manaus que compreende: Autazes, Careiro, Careiro da Várzea, Iranduba, Itacoatiara, Itapiranga, Manacapuru, Manaquiri, Presidente Figueiredo e Novo Airão. Sendo a capital amazonense a maior consumidora do produto com que aproximadamente 50 toneladas.   

 

O produtor - Para o piscicultor, Johames Guimarães, que participou do encontro, os investimentos vieram em boa hora. "Esse apoio vai motivar os piscicultores a fazerem novos tanques e a produzir mais peixes. Vamos poder colocar os alevinos doados pelo Governo do Amazonas em novas áreas aumentando ainda mais nossa produtividade, mas o que nos motiva ainda mais é saber que vamos ter o acompanhamento técnico do Idam", comentou.

 

Johames possui uma propriedade localizada na Estrada Velha, km 96, conhecida como o Sítio do Guima. No local, são três tanques escavados cada um com dois hectares. As espécies criadas são: tambaqui, pirarucu e curumim. Sua produção média de tambaqui é de três toneladas a cada três meses. Sua demanda de produção abastece feiras da região metropolitana de Manaus e cozinhas industriais. 

 

FOTOS: Lucas Silva/Sepror 

spacer

Equipe do Amazonas Saúde Itinerante estará nesta terça-feira em Rio Preto da Eva

O Programa Amazonas Saúde Itinerante estará nesta terça-feira (21) no município de Rio Preto da Eva, com a oferta de consultas oftalmológicas e dispensação de óculos de grau para os pacientes que necessitarem do equipamento. A previsão é que sejam realizadas 300 consultas e a ação é desenvolvida em parceria com a Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) de Rio Preto da Eva.

 

Os pacientes que receberão o atendimento foram triados pelas equipes de saúde da família e receberão atendimento no Colégio Rio Preto. As consultas são gratuitas e os pacientes que necessitarem de óculos terão o equipamento prescrito e serão orientados de que a Susam irá providenciar e entregar ao paciente nos próximos dias.

 

Essa é a segunda ação do programa Amazonas Saúde Itinerante esse ano. A primeira foi realizada em Manacapuru, nos dias 11 e 12 de fevereiro, onde foram realizadas 704 consultas oftalmológicas e 462 pacientes serão beneficiados com a entrega dos óculos.

 

O programa Amazonas Saúde Itinerante é desenvolvido pelo Governo do Estado do Amazonas, em parceria com o Ministério da Saúde e as Secretaria Municipais de Saúde. Pelo programa são realizadas jornadas de cirurgias eletivas, cirurgias de catarata, consultas especializadas, exames e as consultas oftalmológicas com a entrega de óculos para os pacientes que necessitam do equipamento.

 

Em 2016 foram realizadas ações do Amazonas Saúde Itinerante em 17 municípios, totalizando mais de 6 mil atendimentos.

spacer

Campanha 'Brinque o Carnaval sem Brincar com os Direitos da Criança e do Adolescente' é lançado para todo o Amazonas via Centro de Mídias da Seduc

Visando prevenir a violência contra a criança e ao adolescente, o Governo do Amazonas, por meio da Secretaria de Estado de Educação e Qualidade do Ensino (SEDUC) e da Secretaria de Estado de Justiça, Cidadania e Direitos Humanos (Sejusc) realiza, nesta segunda-feira, 20 de fevereiro, a partir das 17h, o lançamento da "Campanha de Enfrentamento à Violência Sexual contra Crianças e Adolescentes", com o tema "Brinque o Carnaval sem Brincar com os Direitos da Criança e do Adolescente", e que será trabalhado no período carnavalesco em todo o Estado.

O lançamento da campanha acontecerá via vídeoconferência para todo o Amazonas por meio do Centro de Mídias da Seduc e tem como objetivo, segundo a técnica da Gerência de Programas e Projetos e Atendimento ao Escolar (Geppae), Alcione Lelo Reis, é mobilizar os gestores e coordenadores regionais quanto a importância de proteger as crianças e adolescentes, bem como orientar e sensibilizar quanto à prevenção das ocorrências e ameaças. "A gente está mobilizando todos os gestores e coordenadores para assim atender o máximo de pessoas nessa campanha", enfatizou.

Além de sensibilizar a comunidade escolar, o evento visa alcançar a sociedade civil e para isso, conta com as parceiras das delegacias, conselheiros tutelares, Secretaria Municipal de Assistência Social, Comitê Estadual de Enfrentamento a Violência Sexual Contra Crianças e Adolescentes (CEVSCA/AM), Conselho Estadual dos Direitos da Criança e do Adolescente (CEDCA/AM).

Participam da videoconferência a gerente da Geppae, Adriana Boh; a secretária da Sejusc, Graça Prola; a presidente do CEVSCA/AM, psicóloga Graça Sales; e a presidente do CEDCA/AM. Silvia Carla Macedo.

Da área da educação, a campanha espera que se mobilize, sensibilize, informe e convoque toda a comunidade escolar a participar da luta em defesa dos direitos das crianças e dos adolescentes, com rodas de conversas, palestras, oficinas, redações, entre outros, com a finalidade de prevenir o afastamento das crianças e adolescentes das escolas, devido à violação de direitos.

Da sociedade civil, a campanha visa prevenir e intervir na ocorrência de ameaças ou violações dos direitos da criança e do adolescente.

spacer

A QUE PONTO CHEGOU O SER HUMANO: FILHO É PRESO SUSPEITO DE MANDAR MATAR O PAI E IRMÃ EM COARI.



Todos os jornais da capital estão dando a notícia da prisão de Neto,  filho do dentista morto em Coari, no dia em que o governador fazia uma série de inaugurações em Coari. Já no dia da morte a população já comentava a uma boca que Glauco Luiz Antony Barros,  29, o "Neto" estaria envolvido com o  assassinato do pai. A prisão dele aconteceu na tarde do último domingo  em via pública, na rua Joanico, perto da casa da sogra, no bairro Urucu, na cidade de Coari, localizada a 363 quilômetros de Manaus, segundo informou a assessoria de imprensa da Polícia Civil. A motivação do crime ainda não foi revelada.
Os comparsas não seguraram a onda de pagar sozinhos pelo crime e deram com a língua nos dentes. A Polícia informou que a prisão dele só foi possível após o depoimento de um dos suspeitos de executar o crime, João Oliveira dos Santos, o “Joãozinho”, que está preso. No depoimento, “Joãozinho” disse que Glauco seria o mandante. O outro suspeito de executar o crime, Kaisoney Pena, vulgo “Neyzinho”, também está preso.
O assassinato de dois inocentes, dentro da própria casa,  em plena luz do dia e quando a maior autoridade política do Amazonas estava em Coari, chocou a todos. Hoje,  com a revelação do envolvimento do filho no assassinato do próprio pai e da irmã,  deixou a todos estupefatos. Sem palavras para definir tamanha barbaridade. 
O quanto tão baixo o ser humano pode chegar.  O quanto horrivelmente a pessoa perde o senso de humanidade.  Talvez quando a motivação do crime for revelada,  a decepção ainda seja maior. 
spacer

Prefeitura de Benjamin Constant recebe certificação negativa de precatórios




O Tribunal Regional do Trabalho da 11ª Região AM/RR promoveu na última sexta-feira (17/02), a cerimônia de entrega do Certificado Negativo de Precatórios a Prefeitura Municipal de Benjamin Constant e mais 26 entidades públicas que pagaram integralmente os seus débitos no ano de 2016. A certificação é um reconhecimento da Justiça do Trabalho aos entes públicos adimplentes com os precatórios trabalhistas de natureza alimentar, com valores superiores a 60 salários mínimos. 

Foram agraciados com o Certificado o Estado do Amazonas, o município de Manaus, a Superintendência Municipal de Transportes Urbanos – SMTU, o município de Benjamin Constant – representado pelo Prefeito David Nunes Bemerguy (PR), e demais municípios do interior, Apuí, Atalaia do Norte, Barcelos, Boa Vista do Ramos, Borba, Careiro, Careiro da Várzea, Codajás, Humaitá, Juruá, Manicoré, Maraã, Maués, Nova Olinda do Norte, Novo Airão, Novo Aripuanã, Parintins, Rio Preto da Eva, São Gabriel da Cachoeira, São Paulo de Olivença, Tabatinga, Tefé e Tonantins.

A cerimônia, parte da programação da 3ª Semana Regional de Conciliação em Precatórios – realizada no período de 13 a 17 de fevereiro, aconteceu no auditório do Fórum Trabalhista de Manaus. O TRT11 é o único Regional do Brasil que realiza uma semana inteira de conciliação em precatórios com entes públicos que não pagaram seus precatórios vencidos.

Para a presidente do TRT11, desembargadora Eleonora Saunier, os representantes dos entes agraciados estão de parabéns e comemorou os números alcançados na 3ª Semana Regional de Conciliação nos Precatórios. "A conciliação em precatórios, inédita entre os Tribunais Regionais do Trabalho, vem apresentando ótimos resultados. Aproveito a oportunidade para destacar o primoroso trabalho que a Dra. Edna Maria Fernandes Barbosa vem executando à frente do Núcleo de Apoio à Execução e Cooperação Judiciária e agradecer a dedicação despendida pela magistrada em suas atividades", destacou.

Participaram também da mesa de abertura do evento o desembargador corregedor do TRT11, Audaliphal Hildebrando da Silva e a juíza do trabalho Edna Maria Fernandes Barbosa, auxiliar da presidência na gestão dos precatórios.
spacer

Eduardo Braga anuncia mais recursos para o interior do AM

O programa Luz Para Todos (LPT) terá mais R$ 182 milhões em recursos para serem investidos no Estado do Amazonas. O anúncio foi feito pelo senador Eduardo Braga (PMDB/AM) neste sábado (17/02), em Itacoatiara, onde participou da inauguração de interligações elétricas com cabos subaquáticos e instalações de redes eletrificadas em comunidades do município.
Os recursos anunciados por Eduardo Braga são oriundos da 8ª etapa do LPT no Amazonas, que vai abranger todos os 62 municípios do estado e deve ter as obras iniciadas em 60 dias. O Luz Para Todos é um programa do Governo Federal executado pela Eletrobras Distribuição Amazonas.
Eduardo Braga participou de três eventos no interior de Itacoatiara. O primeiro compromisso do senador foi na ilha do Soriano, onde a população comemorou o lançamento de cabo subaquático e inauguração da eletrificação rural nas comunidades do Cumaru, Beija-Flor e Soriano.
Em seguida, Eduardo Braga esteve em Nataria do Arari Grande, onde foi inaugurada a rede de eletrificação rural daquela localidade. A agenda encerrou na comunidade do Divino Espírito Santo, que passou a receber energia fornecida por cabo subaquático.
Ao todo, 1.368 famílias foram beneficiadas com a chegada da energia elétrica nas comunidades, num total de investimentos da ordem de R$ 21 milhões.

HOMENAGEM
Eduardo Braga também foi homenageado na Câmara Municipal de Itacoatiara com o título de Cidadão Itacoatiarense. Ao receber a homenagem, o senador lembrou que tem uma história com o município que passa por gratidão, pois o povo sempre lhe recebeu de portas abertas desde 1985.
"Em retribuição, construímos um futuro para os filhos de Itacoatiara com a consolidação da Universidade do Estado do Amazonas (UEA), a criação do Campus de Engenharia Florestal, da Escola de Tempo Integral. Enfim, contribuímos para o crescimento do município como um todo e hoje tenho a prazer de receber essa homenagem do povo itacoatiarense", agradeceu o senador.
Fotos: Chico Batata



spacer

QUEM É O PAI DA PONTE DO PÊRA EM COARI?


Só foi o governador José Melo sair de Coari, após inaugurar a tão falada Ponte do Pêra, que as polêmicas começaram.  Polêmica em torno de qual era o nome do prefeito a estar na placa inaugural da ponte uma vez que havia uma placa com o nome do ex-prefeito Raimundo Magalhães e do governador José Melo desde o final de 2016, quando a SEINFRA autorizou a liberação da ponte para pedestres e veículos. Esta semana,  com a presença do governador José Melo em Coari  uma nova placa foi confeccionada,  com o nome do atual prefeito Adail Filho,  que assumiu o município já quando a Ponte do Pêra estava liberada para o trânsito.
Talciney Cunha,  coariense declarou em uma rede social: "Também nunca me agradei com o Arnaldo e o Magalhães... Agora convenhamos. Essa atitude do Adail José, não foi republicana, foi uma coisa surreal, falta de coerência, falta de idoneidade. Ele não tem nada haver com essa obra. O Arnaldo e Magalhães que trabalharam.  O Adail gasta só 150 reais numa placa de alumínio. E já é o cara da obra?".
Irene Gonçalves brincou após postar as placas com nomes de Adail Filho e Magalhães separadas: "Está  faltando a placa do Arnaldo também!"Outros internautas alegaram o fato de não ter iluminação na ponte e por isso foi realizada outra inauguração.
Histórico
A Ponte do Pêra faz parte da história de Coari e do folclore coariense. Cantada em história de cordel,  transformada em gozação,  presente nos meios de comunicação e aguardada por décadas,  até ser entregue de fato neste mês pelo governador José Melo.
Muitos prefeitos passaram sem que a ponte fosse construída,  mesmo sendo promessa de campanha buscar o recurso junto ao governo do Estado.
O projeto surgiu na gestão do ex-prefeito Adail Pinheiro, a cabeceira da ponte foi aterrada na gestão do ex-prefeito Arnaldo Mitouso, as pedras fundamentais foram postas no início do terceiro mandato de Adail Pinheiro e a ponte foi efetivamente construída na gestão de Raimundo Magalhães que com autorização do governo do Estado liberou a utilização da ponte no mês de outubro de 2016 com placa inaugural e recentemente,  em fevereiro de 2017, o governador veio pessoalmente para inaugurar a ponte do Pêra oficialmente,  já na gestão do prefeito Adail Filho.
Polêmicas à parte
Polêmicas à parte,  o mais importante é dizer que o governador José Melo foi realmente o governador que fez a Ponte do Pêra sair do imaginário popular e virar realidade.  O sofrimento do povo que morava no Pêra para atravessar a ponte acabou e novas possibilidades se abrem para um porto de grande calado no Rio Solimões.
Quanto a quem é o pai da ponte na administração municipal? Os coarienses continuarão no campo da polêmica,  uma vez que o município é dividido politicamente e ninguém vai dobrar o braço do outro.  Cada um puxa a sardinha pra sua brasa.


spacer

ACUSADO DE MATAR PAI E FILHA EM COARI É PRESO

O CRIMINOSO HAVIA SAÍDO RECENTEMENTE DA PRISÃO E É SUSPEITO DE MATAR O TIO.


Coari – João Oliveira dos Santos, o Joãozinho, 26 anos, foi preso, no início da tarde desta sexta-feira (17), como um dos suspeitos do latrocínio de Francisco Ferreira Barros e da filha dele, Glaucia Rayssa Antony Barros, na tarde de quinta-feira (16), no município de Coari (a 366 quilômetros de Manaus). Em ação das polícias Civil e Militar, o homem foi identificado por meio de imagens das câmeras de segurança de um posto de combustível, localizado há cerca de 200 metros do local do crime.
De acordo com informações da polícia, João saiu recentemente da Unidade Prisional de Coari, onde estava preso desde julho de 2015 por suspeita de ter assassinado o próprio tio. Nas imagens, segundo a polícia, ele está na companhia de outro suspeito, que ainda não foi identificado.

Francisco Ferreira e Glaucia Rayssa foram mortos durante um assalto
Foto: Reprodução
Na manhã desta sexta-feira (17), uma equipe de policiais civis de Coari, da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS)  e policiais militares lotados no 5° BPM efetuaram diligências e conseguiram prender o suspeito no início da tarde.
Entenda o caso
O dentista Francisco Ferreira Barros, 72, e a filha dele, Glaucia Rayssa Antony Barros, 25, foram assassinados, no início da tarde desta quinta-feira , no município de Coari. De acordo com o coordenador do Departamento de Polícia do Interior (DPI), Mariolino Brito, a polícia investiga o crime como latrocínio (roubo seguido de morte), mas não descarta a suspeita do crime ter sido uma execução. Os criminosos fugiram do local levando dois celulares.
Segundo informações do Comando de Polícia do Interior (CPI), dois suspeitos chegaram à casa do dentista, na Rua 2 de Agosto, e renderam a nora dele, de 26 anos, junto com o neto, uma criança de seis anos, que foram colocados dentro de um quarto e deixados trancados, após terem o celular roubado.
Em seguida, renderam o dentista e a filha, Glaucia, em outro quarto. De acordo com informações da nora, repassadas pela Polícia Civil, Francisco chegou a reagir a abordagem e se negou a entregar o celular exigido pelo criminoso. O suspeito efetuou quatro disparos, sendo que três atingiram o tórax do dentista e um a cabeça da filha. Os dois morreram no local.
spacer

Comando da PM inicia alinhamento estratégico da Operação Carnaval 2017

A Polícia Militar do Amazonas, tendo à frente o subcomandante geral, coronel PM Walter Cruz, se reuniu na tarde desta sexta-feira (17), na sede do quartel do Comando da PMAM, com representantes do Comando de Policiamento Metropolitano (CPM), Comando de Policiamento Especializado (CPE), além de representantes do Comando de  Policiamento de Áreas Norte, Leste, Oeste, Centro-Oeste, Sul e Centro-Sul, e com representantes de todas as unidades de Companhia Interativa Comunitária (Cicom).  A reunião faz parte do Plano de Operação que será desencadeado para o Carnaval 2017 na capital e na região metropolitana de Manaus.

 

Durante o encontro, os comandantes de todas as unidades operacionais da capital puderam traçar metas e expor o planejamento que será utilizado no policiamento ostensivo que será empregado durante as festividades do Carnaval. As ações da PM estarão concentradas em locais específicos e nos perímetros onde ocorrerão as bandas de rua. A Polícia Militar fará a redistribuição do policiamento de maneira que todas as zonas da cidade estejam cobertas. O policiamento ostensivo de rotina não sofrerá alteração nos locais onde não houver bandas de rua. 

FOTOS: Divulgação PMAM

spacer

Em Coari, governador professor José Melo inaugura Ponte do Pêra, um Ceti e anuncia recuperação total do sistema viário da cidade

O governador do Amazonas, professor José Melo, esteve nesta quinta-feira, dia 16 de fevereiro, em Coari, distante 363 quilômetros de Manaus, para inaugurar a Ponte do Pêra, o Centro de Educação de Tempo integral (Ceti) Manuel Vicente Ferreira Lima e outras cinco escolas no modelo padrão reformadas pelo Estado. Na ocasião, José Melo anunciou uma parceria com a Prefeitura do município para recuperar o sistema viário da cidade e disse que vai asfaltar as estradas Coari-Mamiá e Coari-Itapeua.

Ao lado da presidente do Fundo de Promoção Social (FPS), a primeira-dama Edilene Gomes de Oliveira, o governador ainda entregou um micro-ônibus para a Associação Pestalozzi de Coari. O FPS pretende recuperar, por meio de um Termo de Fomento, o prédio da Pestalozzi e doar equipamentos para o projeto de formação musical da escola. José Melo ainda esteve com o prefeito Adail Filho no Hospital Geral Odair Carlos Geraldo, para assinatura da ordem de serviço da obra de reforma da unidade que será feita pela Prefeitura.

A ida a Coari faz parte da viagem que José Melo faz até sábado (18) por três municípios da calha do Baixo Solimões – Coari, Anamã e Caapiranga –, além de Manacapuru, na Região Metropolitana, para entregar uma série de obras na área de educação, infraestrutura e de lazer, que somam mais de R$ 100 milhões.

Na primeira parada, em Coari, o governador, que viajou com uma comitiva formada por secretários de Estado e pelos deputados estaduais, Josué Neto e Belarmino Lins, e deputado federal, Silas Câmara, destacou que obras como a Ponte do Pêra têm um grande significado para a população do município que cresce em direção daquela região, formada pelo bairro do Pêra etapas 1,2,3 e 4 e o Chagas Aguiar. Antes, estes bairros ficavam isolados do resto da cidade durante a cheia.

"Na verdade, é uma ponte que vai permitir que o povo do Pêra, em qualquer circunstância, possa visitar a cidade de Coari sem nenhum problema. Mas eu construí essa ponte com outro objetivo, que é abrir uma porta para o progresso, para o desenvolvimento e o crescimento dessa cidade, uma vez que para aquelas bandas de lá tem muitas terras firmes o que vai permitir criar outros bairros. Porque eu não tenho dúvidas de que o Brasil vai voltar a crescer, Coari vai ter muito dinheiro, portanto, a gente precisa olhar o futuro e o futuro passa por essa ponte", explicou José Melo.

O governador anunciou que vai ajudar a Prefeitura a recuperar todo o sistema viário da cidade, destinado R$ 45 milhões para fazer a metade da obra. A outra metade ficará sob a responsabilidade da Prefeitura. Já para as duas estradas que serão asfaltadas, José Melo não anunciou recursos, embora tenha dito que também quer fazer em parceria com a Prefeitura. "Nós também viemos aqui para propormos uma parceria com o prefeito para asfaltarmos a estrada Coari-Mamiá e Coari-Itapeua, com a condição de que lá possamos colocar pelo menos R$ 2 mil tanques escavados para Coari se transformar num grande produtor de peixe em cativeiro dessa região", completou.

O prefeito Adail Filho disse que até o ano que vem, pretende estar com 100% do asfaltamento da cidade concluído e, em nome da população de Coari, agradeceu pela construção da ponte do Pêra e as demais obras. "Graças ao trabalho do governador, que não mediu esforços para entregar essa obra, eu estou tendo a honra de, no segundo mês da minha administração, estar entregando ao povo de Coari, principalmente ao bairro do Pêra, essa obra tão esperada. Durante anos nós achávamos que era impossível de ser realizada e o governador veio hoje aqui no município e mostrou que quando se tem vontade e compromisso com o povo tudo é possível", disse o prefeito.

Segurança - O governador também foi a Coari acompanhado do Comandante Geral da Polícia Militar, coronel David Brandão e do comandante do interior, coronel Alcio Sampaio, a quem ordenou que atuassem firme para conter o tráfico de drogas na cidade. "Nosso serviço de inteligência está trabalhando. A Polícia Militar e a Civil vão atuar para combater com o tráfico de drogas e trazer segurança às famílias de Coari", enfatizou.

Ceti modelo padrão - Localizado na estrada Coari-Mamiá, o Ceti Professor Manuel Vicente Ferreira Lima possui o mesmo padrão da capital, equipado com 24 salas de aulas climatizadas; laboratórios de informática e de ciências, biblioteca, piscina, campo de futebol, quadra poliesportiva coberta, sala de música e dança, sala para atendimento odontológico e psicológico, sala de artes marciais e refeitório.

A estrutura física é acrescida ainda de ambientes administrativos, sala para professores e técnicos, cozinha, banheiros com adequações para pessoas com deficiência, secretaria para atendimento ao público e estacionamento para servidores. A estrutura da escola é adaptada com rampas de acesso para livre circulação de pessoas com deficiência.

Agenda – Os compromissos do professor José Melo pelo Baixo Amazonas seguem nesta sexta-feira (17) por Anamã, distante 161 quilômetros de Manaus, onde às 9h acontece a solenidade de inauguração da Escola Tancredo Neves. No município, o Governo do Estado, por meio da Secretaria de Juventude Esporte e Lazer (Sejel), em convênio com a Prefeitura local, também está entregando um ginásio poliesportivo com 1.258,17m² de área construída com cobertura, quadra, arquibancada, vestiário, bar e bilheterias.

Em seguida, na Vila do Jacaré, já em Manacapuru, o governador inaugura às 16h, um campo de futebol comunitário, embarcando na sequência para Caapiranga, onde às 9h da manhã de sábado (18), acontece a inauguração do primeiro trecho da estrada do Membeca e da Escola da Comunidade Araras. Ainda no sábado, às 15h, o governador inaugura um campo de futebol, na Vila do Sacambu e outro no bairro Novo Manacá, em Manacapuru.



FOTOS - JOEL ARTHUS / SECOM


spacer

DUAS MORTES TRÁGICAS NO DIA EM QUE O GOVERNADOR VISITA COARI


Os dois homicídios nada tiveram a ver com a visita do governador, mas aconteceram exatamente no dia em que a maior autoridade do Estado do Amazonas inaugurava obras e uma escola de tempo integral em Coari. Constitucionalmente a segurança pública é de competência do governo do Estado. E as mortes que aconteceram hoje, exatamente neste dia, tem em sim um significado emblemático do grito silencioso e desesperado dos coarienses que clamam por segurança pública.

Dr. Assis (cirurgião dentista) e sua filha Rayssa foram assassinados covardemente por arma de fogo, por volta das 12:00 desta quinta-feira (16). Eles estavam em sua casa almoçando quando os bandidos entraram e executaram o crime. O homicídio chocou a população coariense, por se tratar de algo impensado até então envolvendo duas pessoas que viviam uma vida pacata, voltada para o trabalho e seus laços familiares.

A polícia trabalha com a possibilidade de latrocínio, mas não descarta outra linha de investigação, como a de execução.

A cidade que vivia o clima da presença do governador emudeceu diante do choque. O choque da dura realidade. A realidade que Coari precisa muito mais do que obras ou qualquer outra iniciativa: necessita prioritariamente de segurança pública. O crime praticado hoje, chocou.... Mas há muitos outros crimes de pequena repercussão em seguimento: fruto do descaso, da falta de aparelhamento das polícias e do apoio necessário para combater o tráfico de drogas.

Foi louvável inaugurar uma escola hoje, muito louvável. Eu estive inclusive participando da inauguração e aplaudi a iniciativa, assim como os demais cidadãos coarienses que lá estava e que assim como eu torcem por uma Coari melhor. A educação é o caminho para tirar o homem da criminalidade. Mas a realidade nos fala com toda a veemência, que no caso de Coari é necessário tomar medidas urgentes para combater veementemente a criminalidade também.

Até porque diante de tantos homicídios por arma de fogo que vêm acontecendo em Coari, ao ocorrer mortes como estas de hoje, a preocupação bate forte com a família de todos os coarienses e as preces sobem ao céu pedindo a Deus que nos livre do mal, pois do jeito que a coisa está, qualquer um pode ser o próximo.

spacer

Governo do Amazonas inaugura oito pontos de Wi-Fi de acesso gratuito na Vila Olímpica de Manaus

Obter o Outlook para Android



From: Redacao Secom <redacao@secom.am.gov.br>
Sent: Wednesday, February 15, 2017 4:46:27 PM
To: destinatarios nao divulgados
Subject: CIDADES E ESPORTES Governo do Amazonas inaugura oito pontos de Wi-Fi de acesso gratuito na Vila Olímpica de Manaus
 


Governo do Amazonas inaugura oito pontos de Wi-Fi de acesso gratuito na Vila Olímpica de Manaus


A Vila Olímpica de Manaus, localizada na avenida Pedro Teixeira, Dom Pedro, zona centro-oeste, foi presenteada nesta quarta-feira, dia 15, com oito pontos de Wi-Fi de acesso gratuito à população. Ao todo, são 100 MB de internet no complexo esportivo que vão facilitar a interação da comunidade com o mundo. Essa foi a primeira etapa do projeto Praça Digital, que atendeu a recomendação do governador do Amazonas, José Melo, em parceria com a Empresa de Processamento de Dados Amazonas S.A. (Prodam) e Secretaria de Estado de Juventude, Esporte e Lazer (Sejel).


A primeira fase contempla a entrada da Vila Olímpica até a academia ao ar livre, que envolve também a pista de atletismo. A segunda etapa, prevista para ser entregue até o segundo semestre deste ano, vai envolver os ginásios poliesportivos, o kartódromo, e o Hotel da Vila. A rede é Sejel-Prodam e não existe senha para acessar o benefício. O Centro de Ginástica Bianca Maia tem uma rede própria.


"Em dezembro, quando o governador José Melo visitou a Vila Olímpica, ele listou prioridades de obras e ações para que fossem entregues à população, e uma delas foi a Praça Digital. Desta forma, estamos inaugurando hoje os pontos de Wi-Fi, que vão servir não somente para os atletas, mas tambem à comunidade. A ideia do nosso Governador é de sempre ampliar o acesso gratuito à internet nos mais variados pontos da cidade e a Vila Olímpica está localizada num local estratégico de Manaus e é de fácil acesso", destacou o titular da Sejel, Fabricio Lima.


Internet para todos - "Mais que aprovada". É desta forma que o atleta João Penha, que mora há um ano na Vila Olímpica de Manaus, fala sobre a Praça Digital. Segundo ele, o acesso ao Wi-Fi possibilita o lutador vindo da Colômbia falar com a família e, de quebra, garante diversão. "O nosso dia a dia é muito estressante, de treinos, deitas, foco. E a internet me permite falar com meu pai, que está no Peru, matar a saudade da minha família e possibilita também lazer, pois ficamos conectados a jornais, sites, assistimos vídeos, e vou continuar usando", disse.


Para a administradora Ana Carla Soares, que tem duas filhas no projeto de Escola de Iniciação Esportiva, Fabiana e Laura, o acesso gratuito à internet possibilita uma cidade mais democrática e que busca soluções por meio da colaboração. "Eu venho deixar minhas filhas nas aulas de Iniciação em diferentes horários, às 8h30, e depois às 9h30, de Ginástica Rítmica e a outra no Judô. Neste meio tempo, estou conseguindo me manter conectada ao trabalho, a outros compromissos e não fico acumulando afazeres digitais, digamos assim. Isso facilita muito a vida e possibilita todas as classes a ingressarem numa vida digital, já que o serviço de internet ainda tem um custo elevado", frisou.


Outro que tambem aprovou a iniciativa foi Irineu Pantoja, de 64 anos. Segundo o aposentado, para economizar, ele não usa pacotes de dados de sua telefonia móvel, apenas o Wi-fi de sua casa e, agora, o da Vila Olímpica. "Agora tem duas coisas que gosto de fazer aqui na Vila, correr e ficar na internet. Mando até foto do meu treino para os meus netos. Excelente", disse.

 

FOTOS: MAURO NETO/SEJEL
Assessoria de Comunicação da Secretaria de Estado de Juventude, Esporte e Lazer - Sejel
Responsável: Nathalia Silveira - (92) 98157 3351
Anderson Silva -  (92) 99173 7780
Endereço: Avenida Pedro Teixeira, número 400, Fundação Vila Olímpica de Manaus, bairro Dom Pedro | CEP: 69040-000, Manaus –AM | Fone:  (92) 3238-9210 / 98842-9609
spacer

A Prefeitura Municipal de Benjamin Constant divulgou nesta terça-feira (14/02) mais uma convocação do Concurso Público.

A Prefeitura Municipal de Benjamin Constant divulgou nesta terça-feira (14/02) mais uma convocação do Concurso Público. Os profissionais atenderão as demandas das secretarias municipais de Saúde, Planejamento e Administração, Assistência Social e Educação.

Os convocados deverão comparecer a partir de quinta-feira, 16 de fevereiro de 2017, na sala da Comissão de Acompanhamento e Fiscalização do certame – instalada nas dependências do prédio da Prefeitura, localizado na Rua Frei Ludovico, Nº. 750 no bairro de Coimbra, no horário de 8 às 12 h e das 14 às 17 horas, para apresentação e entrega dos documentos exigidos. O atendimento será realizado até sábado, dia 18 de fevereiro.

Os candidatos convocados neste segundo edital que já entregaram os documentos, devem comparecer para ratificar e conferir a entrega dos mesmos.

O edital de convocação e a lista completa dos convocados podem ser acessados no link www.diariomunicipal.com.br/aam/materia/FB994EA4

Para a avaliação da aptidão física e mental, exigidos para o exercício das atribuições do cargo, os convocados deverão comparecer nos dias 20 e 21 de fevereiro – caso ainda não tenham comparecido anteriormente, no Hospital Geral Dr. Melvino de Jesus, localizado na Rua 13 de Maio, Nº. 1496 no bairro de Coimbra, munidos dos exames de saúde pré-admissionais. O atendimento será conforme o cronograma:

• Segunda-feira, dia 20 de fevereiro, os convocados para os cargos: Professor Zona Urbana Educação Infantil, Professor Indígena de Ensino Fundamental (6º ao 9º Ano - História) e Professor Zona Rural de Ensino Fundamental (6º ao 9º Ano - Espanhol).

• Terça-feira, dia 21 de fevereiro, os convocados para os cargos: Motorista de Ônibus Escolar (Categoria E), Antropólogo da Semed, Artífice, Agente Administrativo, Facilitador de Oficinas, Recepcionista Bilingue (Ticuna/Portuguesa), Assistente Social, Orientador Social, Tecnólogo em Radiologia, Psicólogo e Agente Comunitário Social.
A solenidade oficial de nomeação e posse acontecerá as 18 horas do dia 24 de fevereiro de 2017, na Biblioteca Pública Municipal, situada na Avenida Castelo Branco, no Centro de Benjamin Constant.

Por Olivaldo Bruno – Assessor de Comunicação da PMBC.

spacer

Eduardo Braga acerta com o ministro da Integração Nacional as primeiras ações de socorro às vítimas das cheias no AM

O senador Eduardo Braga (PMDB/AM) debateu, nesta terça-feira (14/02), com o ministro da Integração Nacional, Helder Barbalho, as primeiras providências a serem tomadas para socorrer a população amazonense atingida pelas cheias dos rios amazônicos.

 

"Conforme prometi, vim buscar apoio. Podemos amenizar o sofrimento do nosso povo se agirmos rápido e de forma preventiva, socorrendo e ajudando nossa gente a enfrentar esses desafios", declarou o parlamentar.

 

Na reunião, o ministro se prontificou a encaminhar kits de assistência humanitária, que incluem água, alimentos e colchões, a municípios cujas calamidades naturais já sejam  reconhecidas pelo governo federal.

 

"Estamos conversando com as prefeituras de Ipixuna e Guajará, pois são os municípios amazonenses que já estão com Situação de Emergência decretada", destacou Eduardo Braga. "Precisamos saber quais as necessidades e prioridades das prefeituras para atuar junto ao Ministério da Integração Nacional no sentido de ajudar na liberação dos recursos necessários", completou.

 

Dificuldades – A situação de quatorze municípios do estado é monitorada pelos órgãos e instituições competentes. Guajará e Ipixuna, na calha do Juruá, são os que enfrentam maiores dificuldades. As águas dos rios inundaram residências, espaços públicos, escolas e instalações de comunicação e de geração de energia

 

Na zona rural, famílias perdem suas plantações de feijão, arroz, milho, banana e farinha de mandioca. O gado e outras criações de animais que ainda sobrevivem à enchente estão sendo transferidos das áreas de várzea para a terra firme.

 

Juruá, Carauari, Envira, Eirunepé e Itamarati, todos na calha do Juruá, estão em situação de Alerta. Entraram em situação de Atenção os municípios de Tabatinga, Benjamin Constant, São Paulo de Olivença, Amaturá, Santo Antônio do Içá, Tonantins e Atalaia do Norte, na calha do Solimões.

Foto: Ministério da Integração Nacional

Assessoria de imprensa



spacer

PREFEITURA DE BENJAMIN CONSTANT SERÁ REALIZA AÇÕES QUE ANTECIPAM OS IMPACTOS DA CHEIA NAS ÁREAS DE RISCO




A Prefeitura Municipal de Benjamin Constant através da Secretaria de Obras e Urbanismo e, Secretaria de Planejamento e Administração, juntamente com a Coordenadoria da Defesa Civil Municipal, começou nesta terça-feira (07/02) a construção de pontes de madeira nos locais onde a subida das águas dos rios Javari e Solimões já estão sendo impactados pela enchente.

A resposta ao fenômeno que anualmente ocorre, garante o direito de ir e vir às centenas de famílias atingidas.

Três dias antes de o Beco 5 de Setembro, (localizado no Javarizinho) ser inundado pelas águas do rio, a equipe responsável pela construção das pontes já estava no local avaliando a situação e planejando o início dos trabalhos. Este foi o primeiro lugar a ser inundado pelas águas da cheia.

Coordenada pelo Engenheiro Fernando Cunha, secretário municipal de obras, em conjunto com Waldercley Bezerra ‘Agulha’, coordenador da Defesa Civil no município, a construção das pontes começaram de imediato, tendo sido analisadas como prioridade nas ações de resposta a enchente, que dá segurança as pessoas que precisam transitar por estes locais durante este período.

As pontes em madeira, construídas com diferença de 1 metro e meio acima da cota do Rio Solimões – que no dia 04 de fevereiro era de 11 metros e 34 centímetros, vão garantir a circulação de pessoas por um bom tempo.

As estruturas possuem suportes que poderão, de acordo com a subida das águas, serem ajustados caso ocorra a necessidade de elevação deste nível.

“Essa iniciativa do Executivo Municipal através da Defesa Civil é muito importante, uma vez que as famílias que já sofrem com a enchente tem pressa, e essa pressa precisa ser assistida pelos órgãos competentes.

A construção das pontes é apenas uma parte da assistência que nós devemos dar a essas pessoas. Acredito que teremos o apoio não somente do Governo Municipal, mas do Governo Estadual e Federal, para continuarmos dando auxílio a essas famílias, minimizando os prejuízos causados nesse período”, destacou o coordenador da Defesa Civil, Waldercley ‘Agulha’.

Na zona urbana, além do Beco 5 de Setembro, também foram construídas pontes na Rua 5 de Setembro no Centro e na Rua A do bairro Agropalm. Na zona rural, no acesso entre Monte da Redenção a Porto Cordeirinho. Até o momento já foram construídas 570 metros de pontes. Com a de Porto Cordeirinho ligando a comunidade de Filadélfia, programada para esta segunda-feira (13/02), essa estimativa chegará a 770 metros.

Para dona Maria, moradora da comunidade de Monte da Redenção, a ação no início da enchente é de causar surpresa. “Fiquei admirada com a construção da ponte logo que a ‘cheia’ chegou. Todos nós daqui ficamos. Antigamente só ‘iam’ lembrar da gente depois de muita insistência, quando a água já estava era entrando dentro das nossas casas. Fico feliz em saber que o prefeito David está dando o mesmo tratamento ‘de lá’ pra gente daqui da comunidade”, enfatizou.

A Defesa Civil de Benjamin Constant mesmo antes do Rio Solimões atingir a cota de 12 metros – indicativo de alerta, vem respondendo com o apoio da Prefeitura Municipal com ações preventivas ao fenômeno da enchente. Visitações de sensibilização quanto aos cuidados durante este período, assim como a atualização de cadastros dos moradores de áreas de risco, também são algumas das atividades que os voluntários da DC vêm realizando.

Por Olivaldo Bruno – Assessor de Comunicação da PMBC.

spacer