10 de janeiro de 2017

Amazonas deve vacinar 84 mil meninos contra o HPV

A Fundação de Vigilância em Saúde (FVS) já finalizou a entrega dos lotes de vacinas contra o Papiloma Vírus Humano (HPV) para que os 61 municípios do interior do Estado iniciem a vacinação de meninos com idade de 12 e 13 anos. A vacina faz parte do novo calendário de vacinação dos adolescentes e é disponibilizada para os estados e municípios pelo Ministério da Saúde.

 

A coordenadora estadual do Programa Nacional de Imunização (PNI), Izabel Nascimento, explica que a vacina já está disponível nos municípios e que é responsabilidade dos pais levar os meninos para serem vacinados. "Os pais precisam assumir essa responsabilidade e levar esses meninos, na idade de 12 e 13 anos, para tomar a vacinar ganhar a proteção contra o HPV".

 

A vacina contra o HPV é aplicada em duas doses. O adolescente que estiver na faixa etária de 12 e 13 anos toma a primeira dose e seis meses depois toma a segunda. A vacina está disponível nas Unidades Básicas de Saúde (UBS), nos municípios do interior.

 

Campanha nas escolas - Izabel Nascimento informa ainda que a FVS está tratando junto à Secretaria de Estado de Educação (Seduc) para realizar uma campanha de vacinação dentro das escolas, assim que tiver início o ano letivo nas escolas da rede estadual de educação no interior. "Nós já utilizamos essa estratégia de vacinar nas escolas, quando iniciamos a vacinação de meninas contra o HPV, e fomos muito bem sucedidos, com muitas meninas vacinadas e protegidas", declara Izabel.

 

O secretário de estado de saúde, Pedro Elias de Souza, explica que a vacinação dos meninos contra o HPV é extremamente importante, pois o vírus é transmitido através de relações sexuais e o Papiloma Vírus Humano (HPV) é o principal causador do câncer de cólon do útero. "O câncer de colón do útero é o de maior incidência entre as mulheres no Amazonas. A vacinação desses meninos é uma ferramenta poderosa para combatermos essa doença e nós pedimos aos pais que vacinem seus filhos e garantam a proteção contra o vírus".

 

Um total de 84.350 meninos com idade entre 12 e 13 anos devem ser vacinados em todo o estado do Amazonas este ano.

 

O Ministério da Saúde também determina que sejam vacinados meninos e homens com idade entre 9 e 26 anos, da categoria específica de pessoas vivendo com HIV/Aids. Para essa população específica o esquema de vacinação é diferenciado, estando completo com três doses da vacina.

 

Meningite C - O novo calendário de vacinação dos adolescentes também comtempla a vacinação de meninos e meninas com idade entre 12 e 13 anos contra a Meningite C. A vacina é aplicada em dose única e está disponível nas Unidades Básicas de Saúde (UBS).

 

"É muito importante que os pais levem os adolescentes a uma unidade de saúde, com a caderneta de vacinação, para que atualizar essa caderneta e receber as doses dessas novas vacinas. A vacina é gratuita e a única proteção garantida contra essas doenças", garante Izabel Nascimento.

 

Um total de 166.291 adolescentes deverão ser imunizados contra a Meningite C, em todo o Amazonas.

 

Manaus - Em Manaus, as vacinas estão disponíveis nas Unidades Básicas de Saúde (UBS), da rede municipal, e nos 12 Centros de Atenção Integral à Criança (Caics), da rede estadual de saúde.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

1. O Blog em Destaque reserva-se o direito de não publicar ou apagar acusações insultuosas, mensagens com palavrões, comentários por ele considerados em desacordo com os assuntos tratados no blog, bem como todas as mensagens de SPAM.