Header Ads

IDENTIFICADOS AUTORES DO HOMICÍDIO DE MÃE E FILHA EM COARI : UM JÁ ESTÁ PRESO

(Por Mauro Duarte - delegado titular da DIP-Coari)

QUATRO MULHERES DA MESMA FAMÍLIA FORAM BALEADAS EM COARI/AM, TENDO DUAS DELAS MORRIDO AINDA NO LOCAL



Ontem (14.09), por volta das 20h45min, quatro mulheres da mesma família conversavam bem em frente da casa de uma delas, Sra. Maria Eunice Fialho (76 anos), localizada na Rua Manoel Marques, nº, 84, Chagas Aguiar, ocasião em os suspeitos EDIONEI MENEZES FARIAS, vulgo “JOHN”, 24 anos (garupa), e JEFFERSON DE MELO BARRETO, vulgo “SOM”, 22 anos (piloto), pararam do outro lado da rua em uma motocicleta, tendo EDIONEI descido do veículo e se aproximado andando na direção de onde as quatro vítimas estavam, enquanto o outro suspeito JEFFERSON aguardava na garupa da motocicleta.

Na sequência, EDIONEI sacou uma arma de fogo e realizou diversos disparos na direção das quatro vítimas, sendo que a primeira a ser alvejada foi Silma Fialho Muniz, 43 anos, com quatro disparos na cabeça e um no abdômen, morrendo ainda no local; depois o suspeito atingiu um disparo no tórax de Suelen Fialho Muniz, 24 anos, provocando sua morte no local; em seguida atingiu três disparos em Simonete Fialho Muniz, 51 anos, acertando em seu braço direito; tendo por fim efetuado dois disparos na direção da Sra. Maria Eunice Fialho, 76 anos, atingindo suas duas pernas.

Segundo relatos da vítima sobrevivente, Simonete Fialho, reconheceu de pronto o suspeito EDIONEI, vulgo “JOHN” como sendo o atirador, pois ele mora próximo da casa de sua mãe, Sra. Maria Eunice, sendo que na ocasião ele apenas usava um boné e o local do fato estava bem iluminado pelas luzes dos postes. Acrescentou que já conhecia de vista o piloto da motocicleta, JEFFERSON, vulgo “SOM”, por isso conseguiu reconhecê-lo.

Logo após obterem informações sobre os suspeitos, policiais civis e militares iniciaram a perseguição aos suspeitos, tendo EDIONEI sido preso em flagrante no dia seguinte, por volta das 8h30min, na Rua Olavo Bilac, bairro Chagas Aguiar, próximo de sua residência, ocasião em que negou envolvimento no crime.

A motivação do crime ainda está sob investigação e as informações colhidas da vítima a respeito disso será mantido em sigilo a fim de que a apuração completa do fato não seja prejudicada.

EDIONEI será flagranteado por duplo homicídio qualificado e duas tentativas de homicídio e será encaminhado à Unidade Prisional de Coari após a lavratura do flagrante.

Policiais civis e militares ainda estão em perseguição ao outro suspeito desse crime repugnante, bárbaro e covarde.

EDIONEI MENEZES (preso) e JEFFERSON DE MELO (foragido)

Nenhum comentário

1. O Blog em Destaque reserva-se o direito de não publicar ou apagar acusações insultuosas, mensagens com palavrões, comentários por ele considerados em desacordo com os assuntos tratados no blog, bem como todas as mensagens de SPAM.

Tecnologia do Blogger.