Header Ads

SENADORA SAI EM DEFESA DO MARIDO PRESO

Brasília - A senadora Gleisi Hoffmann (PT-PR) lamentou, em nota, a prisão preventiva do marido, o ex-ministro do Planejamento Paulo Bernardo. Gleisi criticou supostos excessos da Polícia Federal (PF) em relação a Bernardo, questionando também a necessidade do mandado de busca e apreensão feito no apartamento funcional do Senado, em Brasília, onde estava com os filhos.

A parlamentar acusou a PF de utilizar a operação para desviar a atenção da opinião pública para "garantir" o impeachment da presidente afastada Dilma Rousseff.

Gleisi saiu em defesa do marido e disse que ele foi injustiçado. "Hoje foi um dia muito triste na minha vida como mulher, como política e, sobretudo, como mãe. Conheço o pai dos meus filhos. Sei das suas qualidades e do que não faria, por isso sei da injustiça que sofreu", afirmou. A senadora negou que Bernardo tenha recebido propina, e disse que o patrimônio da família foi comprado com os salários do casal.

EXAME.com: Gleisi diz que prisão de Bernardo foi injusta. http://google.com/newsstand/s/CBIw96i42SU

Nenhum comentário

1. O Blog em Destaque reserva-se o direito de não publicar ou apagar acusações insultuosas, mensagens com palavrões, comentários por ele considerados em desacordo com os assuntos tratados no blog, bem como todas as mensagens de SPAM.

Tecnologia do Blogger.