Header Ads

UM TIPO DE NOTÍCIA QUE NOS FAZ PENSAR

Mais de 58 mil crianças podem morrer de fome na Somália

Também, uma reflexão sobre o quadro de desnutrição em nosso município.

Li essa notícia no Site do Portal Terra. Uma notícia preocupante, e que faz lembrar que o mundo pós moderno ainda sofre com problemas medievais, como é o caso da fome. Ler que mais de 58 mil crianças podem morrer de fome em um único país é triste e faz lembrar um cenário apocalíptico bíblico, no entanto, mais que ser previsto nas páginas históricas do livro sagrado, a realidade é atual e preocupante. Mais que números, são vidas que perecem por falta do básico: a alimentação humana.

Veja abaixo algumas citações da matéria sobre o assunto:
O nível de desnutrição, principalmente das crianças, é muito preocupante, aproximadamente 350 mil menores de cinco anos sofrem de desnutrição aguda”, declarou o coordenador da ajuda humanitária da ONU na Somália, Peter de Clercq, em nota.

A situação faz lembrar que há quatro anos, quando a combinação de uma seca de grande amplitude com a guerra civil provocou a morte devido à fome de mais de 250 mil pessoas.
Atualmente, cerca de 950 mil pessoas “lutam diariamente para se alimentarem” e 4,7 milhões de somalis, perto de 40% da população, necessitam de ajuda humanitária, segundo os dados recolhidos pela Unidade de Análise da Segurança Alimentar e da Nutrição da ONU e a Rede de Alerta Precoce da Fome.
Esse problema, por mais que seja do outro lado do mundo, deve chamar a atenção para a nossa realidade. Cabe perguntar neste momento: quantas crianças em Coari passam fome? Qual é o quadro de desnutrição das crianças coarienses? Há alguma pesquisa que aponte para esta informação? Se há o que tem sido feito para combater a baixa nutrição? Se não há cabe a quem fazer este levantamento?

Não é bom relegar este assunto a um segundo plano. Mesmo que nós estejamos morando em um estado privilegiado pela abundância de peixes, água doce e uma floresta monumental e uma terra em que se plantando podemos colher hortaliças e frutos diversos, há ainda em nosso meio crianças que também passam fome. Quais os fatores que podem estar causando a fome em nosso município e quais as alternativas que o poder público e a sociedade civil organizada pode oferecer para ajudar a combater este problema?

Nenhum comentário

1. O Blog em Destaque reserva-se o direito de não publicar ou apagar acusações insultuosas, mensagens com palavrões, comentários por ele considerados em desacordo com os assuntos tratados no blog, bem como todas as mensagens de SPAM.

Tecnologia do Blogger.