O DESTINO DE COARI, PARA ONDE VAI A CIDADE DO PETRÓLEO?




Há quem diga que a descoberta do petróleo que é explorado no município de Coari seja uma bênção, mas  para a muitos este fato não ajudou muito o município. O tempo passou e os avanços e progressos foram poucos, o que tem sobrado e muito no município é a disputa pelo poder, o que significa dizer também, que é a disputa pelo controle do poder econômico. Desde o ano 2000 o município tem acompanhado várias disputas, que levaram a total judicialização do destino do município, e esse quadro vem se mantendo até agora. O petróleo de Coari ajudou pouco no desenvolvimento do município, mas sua presença através da briga pelo domínio financeiro do lugar, tem rendido disputas políticas e jurídicas épicas. Ganham os políticos, perde a população,

Mais uma vez a disputa pelo domínio do poder político em Coari ganha os meios de comunicação. Coari passa a ser visto e conceituado pelo lado de fora como um lugar de brigas, intrigas e perrengues que parecem ser sem fim, e por dentro, ou seja, por aqueles que aqui moram, fica a indagação: "Qual será o destino de Coari? Para onde tantas disputas vão levar o município?". E assim, a cada dia os coarienses aguardam uma definição do quadro político, que se tornou um quadro jurídico.

Esse impasse precisa acabar, é necessário chegar a uma definição... Bem, pelo menos em uma conclusão já é possível chegar: os próximos políticos de Coari a disputar a prefeitura de Coari devem fugir do embate jurídico, pois os coarienses já estão frustrados de votarem, escolherem e na pratica esta escolha não acontecer. O judiciário é que define, quando define, quando não .... Fica apenas o impasse. Se ao terminar a próxima eleição, o prefeito eleito seja quem for ele, poder concluir seu mandato, sem brigas jurídicas, será possível investir de uma maneira mais efetiva os recursos oriundos do petróleo para o desenvolvimento do município. Até lá temos que aguardar as definições jurídicas e perguntar para onde vai a cidade do petróleo?... 

Comentários