Header Ads

No primeiro dia de mutirão do seguro-desemprego, 398 trabalhadores dão entrada para receber benefício

A Secretaria de Estado do Trabalho do Amazonas (Setrab-AM), por meio do Sine Amazonas, realizou nesta sexta-feira, 16 de janeiro, o atendimento de 398 pessoas no mutirão para solicitação do seguro-desemprego. A iniciativa visa atender demanda maior neste início de ano e dar mais agilidade no atendimento do trabalhador.

Devido à grande demanda, mais dois mutirões serão realizados nos dias 23 e 30 de janeiro. A expectativa é atender no total 1.048 trabalhadores, ante a previsão inicial que era de 600 atendimentos em apenas dois mutirões. De acordo com informações do coordenador do Sine Amazonas, Arilson Vieira, o atendimento para outros serviços permanece de segunda a quinta-feira.

"Continuaremos com as ações de encaminhamentos de emprego e a questão do seguro- desemprego. Já estão previstos mutirões para os dias 23 e 30. Se for necessário, faremos outros", afirma.

Origem – Ainda de acordo com Vieira, a maioria dos trabalhadores que busca o serviço é proveniente da mão-de-obra excedente do comércio após as festas de fim de ano. "Já existe uma sazonalidade prevista para o início do ano quando as pessoas, principalmente da área do comércio, tiveram sua ocupação temporária, foram demitidos e tiveram acesso ao benefício", disse.  


Vieira também destacou que a alta demanda se dá pelas novas regras do segundo-desemprego estabelecidas na legislação federal, entretanto, elas só valerão para março. "A  medida provisória já foi editada e só espera o Congresso Nacional voltar (do recesso) para valer a nova regra, mas isso só ocorrerá partir de março para seguro desemprego e, para abril, o seguro defeso. Então os trabalhadores devem ficar tranquilos".

Documentos necessários – Os documentos necessários para dar entrada no seguro-defeso são: Carteira do Trabalho – CTPS; Comprovante de Saque do FGTS; 3 últimos contracheques (original e cópia); Termo de Rescisão de Contrato (quitado, assinado e homologado); Requerimento do Seguro Desemprego (via verde e marrom, assinada e carimbada); CPF, Identidade e Comprovante de Residência; Cartão do PIS/PASEP; Comprovante de Escolaridade (original e cópia); e, em caso de reclamação trabalhista, apresentar a sentença judicial ou homologação do acordo.

O trabalhador da construção civil Manoel Mendonça, 66 anos, afirmou que o mutirão agilizou o atendimento. "Não passei nem vinte minutos aqui, foi muito rápido. Eles pediram os documentos e já deram entrada no meu seguro", destacou. 




FOTOS - WREDMAN / AGECOM

Nenhum comentário

1. O Blog em Destaque reserva-se o direito de não publicar ou apagar acusações insultuosas, mensagens com palavrões, comentários por ele considerados em desacordo com os assuntos tratados no blog, bem como todas as mensagens de SPAM.

Tecnologia do Blogger.