16 de janeiro de 2015

No primeiro dia de mutirão do seguro-desemprego, 398 trabalhadores dão entrada para receber benefício

A Secretaria de Estado do Trabalho do Amazonas (Setrab-AM), por meio do Sine Amazonas, realizou nesta sexta-feira, 16 de janeiro, o atendimento de 398 pessoas no mutirão para solicitação do seguro-desemprego. A iniciativa visa atender demanda maior neste início de ano e dar mais agilidade no atendimento do trabalhador.

Devido à grande demanda, mais dois mutirões serão realizados nos dias 23 e 30 de janeiro. A expectativa é atender no total 1.048 trabalhadores, ante a previsão inicial que era de 600 atendimentos em apenas dois mutirões. De acordo com informações do coordenador do Sine Amazonas, Arilson Vieira, o atendimento para outros serviços permanece de segunda a quinta-feira.

"Continuaremos com as ações de encaminhamentos de emprego e a questão do seguro- desemprego. Já estão previstos mutirões para os dias 23 e 30. Se for necessário, faremos outros", afirma.

Origem – Ainda de acordo com Vieira, a maioria dos trabalhadores que busca o serviço é proveniente da mão-de-obra excedente do comércio após as festas de fim de ano. "Já existe uma sazonalidade prevista para o início do ano quando as pessoas, principalmente da área do comércio, tiveram sua ocupação temporária, foram demitidos e tiveram acesso ao benefício", disse.  


Vieira também destacou que a alta demanda se dá pelas novas regras do segundo-desemprego estabelecidas na legislação federal, entretanto, elas só valerão para março. "A  medida provisória já foi editada e só espera o Congresso Nacional voltar (do recesso) para valer a nova regra, mas isso só ocorrerá partir de março para seguro desemprego e, para abril, o seguro defeso. Então os trabalhadores devem ficar tranquilos".

Documentos necessários – Os documentos necessários para dar entrada no seguro-defeso são: Carteira do Trabalho – CTPS; Comprovante de Saque do FGTS; 3 últimos contracheques (original e cópia); Termo de Rescisão de Contrato (quitado, assinado e homologado); Requerimento do Seguro Desemprego (via verde e marrom, assinada e carimbada); CPF, Identidade e Comprovante de Residência; Cartão do PIS/PASEP; Comprovante de Escolaridade (original e cópia); e, em caso de reclamação trabalhista, apresentar a sentença judicial ou homologação do acordo.

O trabalhador da construção civil Manoel Mendonça, 66 anos, afirmou que o mutirão agilizou o atendimento. "Não passei nem vinte minutos aqui, foi muito rápido. Eles pediram os documentos e já deram entrada no meu seguro", destacou. 




FOTOS - WREDMAN / AGECOM

Nenhum comentário:

Postar um comentário

1. O Blog em Destaque reserva-se o direito de não publicar ou apagar acusações insultuosas, mensagens com palavrões, comentários por ele considerados em desacordo com os assuntos tratados no blog, bem como todas as mensagens de SPAM.