Header Ads

Prefeitura de Coari atende universo de mais de 15 mil alunos em 172 escolas

A rede municipal de ensino, nas zonas Urbana e Rural, mantém um professor para cada dez alunos, uma média muito superior a muitos municípios brasileiros, inclusive de capitais. Atualmente, 1.520 professores atuam em 172 escolas (incluindo 13 indígenas), que são frequentadas por 15.213 estudantes, sendo 8.183 e 7.030 na cidade e no interior, respectivamente.

Apesar do colapso que o setor sofreu entre meados de 2009 até o fim de 2012, os resultados obtidos em 2013 apontaram uma melhora significativa. Dos 14.320 alunos matriculados, cerca de 90,5% foram aprovados e registrou apenas 8% de evasão. A Prefeitura Municipal de Coari (PMC), em tempo recorde, criou mais de mil vagas com a construção da escola Elisângela Litaiff, reformas e ampliações nas demais unidades.


Para a titular da Secretaria Municipal de Educação (Semed), Marilene Santos tudo ainda pode ser melhorado. Ela explica que a capacitação continuada de professores, pedagogos, motoristas, monitores, merendeiras e de todo o corpo técnico da rede de ensino fundamental, e o desenvolvimento de programas e projetos voltados para se promover a educação são utilizados de forma direta e eficaz.

Ancorada na premissa que a educação básica constitui um direito de todos, a administração pública municipal tem se empenhado em aplicar todos os recursos necessários para atingir as metas educacionais estabelecidas pelo Ministério da Educação (MEC). São cerca de 16 programas e projetos que atendem desde cursos de formação técnico profissionalizante (para os funcionários do serviço de apoio escolar) até o Plantão Escolar, onde famílias são visitadas para evitar e/ou diminuir a evasão escolar.


Seja na sede municipal ou nas mais de 200 comunidades rurais distribuídas pelo município, a Semed mantém um braço de atuação através de departamentos que cuidam e acompanham a execução de políticas públicas de interesse vital para a realização e alcance dos objetivos e metas. Para o diretor do Departamento de Políticas e Programas Educacionais, Josiel Silva, educar é transformar e promover a aprendizagem ao longo da vida no propósito de satisfazer o ser em suas dimensões físicas, intelectuais, emocionais e sociais. "Por isso, a cada dia reafirmamos o compromisso desta secretaria com a educação municipal", conclui o diretor.

Longe da cidade, perto da escola

Vencer os obstáculos geográficos, típicos de um dos maiores municípios em extensão territorial do Amazonas, é uma tarefa que também faz parte do calendário letivo anual. A cheia e a seca anual da bacia hidrográfica fluvial impõe uma série de obstáculos naturais para quem deve e quer frequentar a escola. Dezenas de catraias, voadeiras e barcos regionais formam rede de transporte escolar fluvial, utilizando dezenas de trabalhadores e consumindo milhares de litros de combustível mensalmente.

Para atender 7.030 estudantes, 1.520 professores, mais técnicos, merendeiras e monitores, o transporte escolar conta com 72 barcos e 223 pequenas embarcações e 40 mil litros de diesel, mais 20 mil.  

Texto: Eledilson Colares
Captação: Ângela Marques
Fotos: Arquivo Secom/PMC


Nenhum comentário

1. O Blog em Destaque reserva-se o direito de não publicar ou apagar acusações insultuosas, mensagens com palavrões, comentários por ele considerados em desacordo com os assuntos tratados no blog, bem como todas as mensagens de SPAM.

Tecnologia do Blogger.