CURICO DIZ QUE NÃO DISSE NADA E QUE O PARTIDO LHE PROÍBE DE DAR DECLARAÇÕES EM PÚBLICO


Aquele adágio popular que diz: "Que quem tem nariz tem medo" é confirmado mais uma vez. Desde que a matéria do Blog da Floresta foi ao ar, onde o presidente do PT em Coari teria revelado tanto sua insatisfação quanto a do partido com o prefeito de Arnaldo Mitouso, a repercução foi grande. Mas, Curico não é apenas presidente do PT, é cunhado do prefeito também... Por isto, ele veio a publico e negou tudo.

Curico afirmou "que jamais mencionou que o PT está insatisfeito ou decepcionado com a administração de Arnaldo Mitouso (prefeito de Coari). Pois o PT é aliado político do atual governo municipal e quando for necessário fará suas críticas de forma direta, como é a característica do partido". As ligações políticas mais afetivas que racionais levam a este tipo de comportamento. O PT em Coari está satisfeito com a falta de transparência do governo municipal, com o atraso do pagamento dos salários, com a paralisação dos programas sociais, as irregularidades com funcionários públicos e com a inexplicável equação de uma movimentação financeira de quase 100 milhões de reais, sem investimentos que justifiquem a movimentação de uma soma tão grandiosa.

Para o Site oficial da Prefeitura de Coari, Curico afirmou ainda que "nem ao menos está autorizado pelo partido, a fazer críticas públicas". Liberdade de expressão é lenda, quando um presidente de uma agremiação política não está autorizado a fazer críticas públicas. E por fim, como sempre, a culpa é do jornalista. Curico revelou-se surpreso com a interpretação do jornalista (que segundo ele não costuma fazer esse tipo de coisa) e deseja que o assunto seja encerrado sem mais desconfortos ou constrangimentos jurídicos. Na foto publicada no site, vem o mote: "Curico diz que foi vítima da má interpretação de um jornalista do Blog da Floresta", e cabe aqui outro mote: "Os coarienses estão sendo vítimas da omissão do PT".
spacer

ENTRE JOSÉ MELO E REBECA


A atitude antecipada de Alfredo Nascimento escolhendo o candidato a vice (Serafim Corrêa) deixou Omar Aziz em uma zona de conforto para escolher com bastante cautela o nome que vai compor com o dele para o governo do Estado. A precipitação de Alfredo, na pressa de fechar alianças beneficiou Omar. No entanto, escolher um bom vice nunca foi tão fácil para quem estar no poder, principalmente porque pode gerar um desconforto magoando egos e até rachando o grupo.

Fato é que Omar Aziz vai enfrentar este dilema, porque neste atual momento da articulação da campanha dois nomes de peso se apresentam como possíveis candidatos a vice-governador na composição da chapa do atual governador. Se por um lado o nome de Melo revela experiência política, articulação e conhecimento dos bastidores da política do interior do Estado do Amazonas, por outro lado a graciosidade, a influência, o lado feminino de Rebeca pode ser o reforço que Omar precisa para consolidar uma forte articulação em direção a reeleição.

Omar ou Rebeca? Rebeca ou Omar? Esta decisão será uma decisão do grupo ou das lideranças? O que prevalecerá? Quem dos dois irá contribuir mais intensamente para o sucesso da campanha eleitoral. Talvez neste momento, os eleitores possam deixar os comentários e as impressões relacionadas a este assunto, a final que vai definir mesmo a chapa de sucesso, será o eleitor amazonense.
spacer

ATRAPALHADAS DA ADMINISTRAÇÃO MUNICIPAL DE COARI

Por incrível que pareça, com um orçamento milionário de causar inveja a qualquer outro município do interior do Estado do Amazonas, a prefeitura de Coari consegue fazer a proeza de até ontem ainda estar pagando funcionários públicos referentes ao mês de Abril. Coari é o primo rico dos outros municípios do Estado e ninguém consegue entender porque tanta atrapalhada por parte do prefeito do município. Somente no mês de Abril entraram mais de 14 milhões nos cofres da prefeitura de Coari e nos 8 meses da gestão Arnaldo Mitouso, foram quase 100 milhões que a prefeitura de Coari movimentou e ninguém, ninguém mesmo, consegue entender para onde tanto dinheiro está indo, uma vez que até mesmo os salários dos funcionários estão sendo pagos inexplicavelmente da mesma forma.

PIRES NA MÃO NÃO...

A tentativa de empréstimo que vem sendo ventilada por parte do prefeito de Coari está caindo tão mal quanto a má gestão dos milhões que entram no município do Petróleo e do Gás Natural. Ele quer mais 45 milhões de empréstimo. Se não bastasse os mais de 100 milhões que já entraram e que não foram suficientes para "organizar a casa". Até mesmo no alto escalão do governo estadual, já vazou o comentário da mais alta autoridade do poder executivo no estado em busca de uma explicação para este disparate. Como é que uma administração de um município tão rico comparado aos demais municípios consegue deixar os munícipes na atual situação em que Coari se encontra.
spacer

O MÉDICO E AMIGO DR. ODAIR CARLOS GERALDO

Com o passar do tempo, muitas coisas se desgastam inclusive as recordações que vão ficando cada vez mais distante. No entanto, com a volta à mídia do nome e das imagens do ex-prefeito de Coari e médico Dr. Odair Carlos Geraldo é impossível não voltar ao passado de tantas recordações. Durante muitas vezes tive a oportunidade de entrevistar o ex-prefeito e acompanhar de perto o seu trabalho, inclusive sendo recebido por ele várias vezes na própria residência.

Mas, o que mais marcou com certeza minha vida particularmente como coariense foi o trabalho dele como médico. Em um dos momentos mais dificeis de minha vida, quando meu filho recem-nascido, com 1 ano de idade passou 21 dias internado na Unidade Mista de Coari (atual hospital regional)teve o acompa nhamento médico do Dr. Odair. Mesmo exercendo a função de prefeito ele esteve conosco na internação para fazer o diagnóstico.

E não foi apenas comigo. Muitos coarienses podem relatar histórias semelhantes a estas. Coari, 14 anos atrás não possuia a grandeza financeira de hoje e nem tão pouco o crescimento populacional que há hoje. Viviamos tempos mais modestos, mesmo assim a falta de bom senso e civilidade imperou. Uma atitude violenta tirou a vida do médico prefeito ou do prefeito médico. O tempo passou, tudo está impune e parece que muitos poucos aprenderam a lição do valor da vida de um ser humano.
spacer

EX-PREFEITO DE MANACAPURU PERDE NO TSE

spacer

FINAL DE SEMANA: COARI NA MÍDIA EM MANAUS


O município de Coari volta a ser assunto na mídia na capital. Esta sexta-feira mais uma vez o Deputado Sabino Castelo Branco veiculou a matéria onde mostra o ex-prefeito de Coari Odair Carlos Geraldo agonizando após receber um tiro que o levaria a morte. Assistir a matéria e achei chocante. Como quase todos os coarienses tinham conhecimento que estas imagens existiam, mas nunca eu havia assistido. Reviver o momento da morte do ex-prefeito, que faleceu vítima de bala à quase 15 anos é uma experiência triste e de duras recordações.

Segundo o Deputado Sabino Castelo Branco, o principal acusado do assassinato do ex-prefeito e médico é o atual prefeito de Coari Arnaldo Mitouso. Sabino afirma que ele é réu confesso, ou seja, que teria confessado ter sido ele mesmo (Arnaldo Mitouso) quem teria cometido o crime. Sabino promete continuar mostrando a matéria e pedindo providências para que o julgamento do prefeito Arnaldo Mitouso aconteça o mais rápido possível.

Fato é que 15 anos passaram e até agora a justiça do Amazonas ainda não deu uma resposta satisfatória sobre o caso para a população do amazonense. Se não fossem as últimas denúncias o processo teria prescrevido e os envolvidos não seria levados às barras da justiça. As últimas denúncias, realizadas por Sabino Castelo Branco, fizeram com que o processo saísse da comarca de Codajás onde estava parado há anos. Recentemente o Tribunal de Justiça desmembrou as partes: Arnaldo será julgado em Manaus por possuir foro privilegiados e os outros envolvidos no processo e no caso serão julgados na Comarca de Coari. A data dos julgamentos ainda não foi divulgada.
spacer

O RESULTADO DA VISITA DO GOVERNADOR EM TEFÉ DO PONTO DE VISTA POLÍTICO


A imprensa repercutiu oficialmente o que estava apenas nos bastidores, o apoio de Amazonino, fruto da escolha do vice do adversário de Omar. Quando Alfredo Nascimento escolheu Serafim Corrêa para ser seu vice, perdeu o Negão. E não foi qualquer negão... Como diz Alcione, perdeu "um negão de tirar o chapeu", pois mesmo não tendo o mesmo ritmo de outrora Amazonino Mendes continua sendo um dos grandes nomes da política ajuricaba.

Outro detalhe foi o registro de um daqueles "milagres" que só a política faz. Amazonino e Melo que estavam com as relações estremecidas há muito tempo desceram da aeronave sorridentes, "mui amigos", prontos para o que der e vier. Segundo o Jornal Amazonas em Tempo um problema na aeronave que levaria Amazonino a Tefé acabou forçando um encontro com o ex-secretário José Melo. Sabendo do problema o ex-governador Eduardo Braga acabou dando uma carona ao prefeito de Manaus. Resultado: os três chegaram a Tefé sorridentes e com as relações restauradas.

Por outro lado, o governador Omar Aziz demostrou gratidão, desejo de dar continuidade ao estilo de governar de seu antecessor. Resumindo, estar fazendo tudo direitinho, de acordo com as regras de um comportamento político que não gerará conflito na campanha que estar para vir. Omar está se comportando como um político maduro, ampliando suas chances de esta vez sair como vencedor, depois de várias tentativas.
spacer

O GOVERNADOR EM TEFÉ

Na tarde desta quinta (27) o ex-governador Eduardo Braga embarcou para Tefé, lá irá se encontrar com o Governador Omar Aziz e com Amazonino mendes. As maiores lideranças da política amazonense estarão se encontrando no município, dando assim uma pitada da tendência política que será deflagrada em torno do nome de Omar Aziz.

O governador do Amazonas (Omar Aziz) inaugura nesta tarde a escola estadual N.S. Graças e visita obras de Educação e Delegacias. Além de Tefé Omar Aziz cumprirá agenda em mais 5 municípios, assinando convênio em Uarini e inaugurando o sistema viário em Alvarães.
spacer

O VICE DE OMAR

Em entrevista ao CBN Manaus, hoje aqui na capital amazonense o ex-governador e pré-candidato ao Senado Eduardo Braga afirmou que o seu candidato a vice na chapa de reeleição do governador Omar Aziz é José Melo, porque , segundo Braga," Melo é o melhor", tem boa articulação no interior, e tem experiência. "Não abro mão dessa indicação. O PMDB, (que é o partido de Eduardo)também não abre mão", afirmou Eduardo. O ex-governador revelou que espera que o PMDB, que reúne seus militantes nos próximos dias, divulgue um manifesto em torno do apoio ao ex-secretário de governo. "Repito: já disse 50 mil vezes: meu candidato é o Melo."

O Blog em Destaque já havia cantado esta pedra. O nome de José Melo continua fortalecido no cenário estadual. Se ele fosse da seleção, Dunga diria que ele tem comprometimento.
spacer

UMA REFLEXÃO SOBRE A DESOBENDIÊNCIA A LEI NA GESTÃO ARNALDO MITOUSO

Uma sucessão de ilícitos vai se avolumando na gestão do atual prefeito de Coari Arnaldo Mitouso, pelo que tudo indica um comportamento que relega as leis a um segundo plano por uma opção mesmo.

O NÃO PAGAMENTO DO DÉCIMO-TERCEIRO SALÁRIO. Foi uma opção desobedecer a lei e não pagar o décimo terceiro. Pela lei, até o final do mês de novembro é a última data para o prefeito pagar a primeira parcela do décimo e o final de dezembro, para pagar a segunda parcela. Em novembro Arnaldo era prefeito, com todas as prerrogativas do cargo e não pagou a primeira parcela, e a segunda parcela em dezembro aí que foi pior mesmo.

DESATIVAR OS PROGRAMAS SOCIAIS E NÃO PAGAR OS LÍDERES RURAIS. Tanto os programas sociais, quanto os líderes rurais são programas regidos por leis municipais, aprovadas e previstas no orçamento do município. O prefeito de Coari simplesmente desativou, sem ligar nenhum pouco para a lei que está em vigor e virou as costas para a necessidade destes grupos sociais que havia conquistado estes direitos legalmente.

O NÃO REPASSE INTEGRAL DOS RECURSOS DO PODER LEGISLATIVO. Improbidade da pura. Um atentado contra a Constituição Federal. Uma desobediência que pode ser punida com perda de mandato e só não é porque possui maioria na Câmara Municipal. Por conta da aliança política todos consentem com a irregularidade e calam a boca. O fato foi denunciado pelos vereadores da oposição.

NÃO RESPONDER AOS REQUERIMENTOS DA CÂMARA
. Outra irregularidade que afronta a Lei Orgânica do Município de Coari, uma verdadeira humilhação para o poder legislativo. A instituição em si que fica desrespeitada e silenciosa. Calada! Silenciosa... O prazo máximo eram 15 dias para responder e mais 5 dias caso houvesse necessidade e ponto. Ele nunca respondeu um requerimento da Câmara Municipal.

LICITAÇÕES. As montagens das licitações em Coari são uma novela à parte em Coari. Empresas que ganham licitações milionárias que não possuíam condições materiais para ter uma máquina pesada e ganham um contrato no valor de 14 milhões de reais. Empresa que ganha contrato no valor de 9 milhões para aluguel de embarcações e os catraeiros ficam até 2 meses sem receber. E a lista dos contratos de milhões vão se afunilando.

Estes são exemplos escandalosos de um prefeito que vira a costa para as leis de forma proposital. Mau exemplo para quem acredita nas instituições e que ver nestas afrontas uma demonstração de que para muitos a impunidade reforça a injustiça.
spacer

CONVENÇÃO DA ASSEMBLÉIA DE DEUS SEGUE COM SUCESSO: HOJE A ATRAÇÃO É ALINE BARROS




A vencedora do Grammy Latino, de Melhor Álbum de Música Cristã, Aline Barros, será a atração principal no Culto da Convenção da IEADAM, hoje (26), às 19h, no Sambódromo. A entrada para o show é liberada. Aline possui mais de 20 CDs gravados, já ganhou diversos prêmios de música e é uma das artistas mais requisitadas do cenário gospel. Recentemente, ela escreveu um livro com seu esposo, o pastor Gilmar Santos, intitulado ‘Muito Mais Que Um Sonho’. A obra é baseada em testemunhos reais de força, perseverança, poesia, limites, decisões, obediência, perspectiva, amizades sinceras, superação e muita fé.

Nesse show, Aline Barros vai mostrar o seu mais novo trabalho, o CD ‘Caminho dos milagres’, que foi gravado ao vivo no Maracanãzinho, no Rio de Janeiro. Antes de Aline entrar no palco, haverá um grande culto evangélico com diversos pastores nacionais e internacionais que estão participando da Convenção da Igreja Assembléia de Deus no Amazonas.

Além disso, haverá um culto especial com o pastor Messias dos Santos, que viaja o mundo divulgando o evangelho. Ele também já gravou diversos DVDs. Entre eles, ‘Refugiado em Deus’ que é uma pregação especial realizada na comemoração dos 98 anos da Assembleia de Deus no Brasil.(DO)
spacer

EM MANAUS PULSEIRAS DO SEXO PROIBIDAS POR LEI

Fonte: Portal Amazônia - portalamazonia@redeamazonica.com.br

MANAUS – A Câmara Municipal de Manaus (CMM) aprovou hoje (26), em votação final, o projeto de lei (PL) que proíbe o uso das “pulseiras do sexo”. As pulseiras podem ter motivado o assassinato de duas adolescentes no último mês, na capital. O projeto é de autoria do vereador Wilker Barreto (PHS).

O PL nº 081/2010 determina a cassação dos alvarás de funcionamento dos estabelecimentos comerciais que praticarem a venda, revenda, distribuição, doação e comercialização das pulseiras do sexo ou cordões, acessórios, adornos, enfeites, broches e afins que remetam à mesma prática no município.

As pulseiras do sexo, que supostamente já provocaram agressões e mortes, já foram alvo de proibição nas escolas públicas do município, depois que uma estudante do ensino fundamental foi agredida por colegas por causa do adorno.
spacer

ARNALDO MITOUSO QUER REALIZAR EMPRÉSTIMO MILIONÁRIO QUE PODE ATRASAR O MUNICÍPIO DE COARI


Já não é de hoje que se houve em Coari a reclamação geral em torno da discrepância entre o que entra mensalmente em Coari e a má gestão destes recursos que tem resultado em atraso de pagamento do funcionalismo, fornecedores e paralisação de programas sociais e outras ações do cotidiano do município. Estas dificuldades que os coarienses enfrentam já não são aceitáveis em municípios de menor renda, muito menos podem ser aceitas em um município rico como o é Coari.

Já não é de hoje também, que está sendo ventilado que o prefeito de Coari está pleiteando um empréstimo junto às agências bancárias. Uns falam em 45 milhões, outros em 80 milhões, fato é que há uma especulação em torno do empréstimo mas a prefeitura ainda não se manifestou publicamente sobre o assunto. Sejam quais forem os valores, fato é que , um empréstimo em um destes dois valores só vai representar um endividamento a longo prazo que irá atrasar o município.

Justificaria um empréstimo desta natureza, caso o município não obtivesse uma arrecadação milionária como o é o caso de Coari. Estamos falando de uma média de 14 milhões mensais e da segunda maior arrecadação do Estado do Amazonas. Se com o valor atual as denúncias de licitações direcionadas, enriquecimento ilícito e má gestão de recursos público dá margem a todo tipo de suspeita é possível imaginar um aporte financeiro como os valores que estão sendo pensados para o empréstimo. 


O resultado disto será o endividamento a longo prazo do município de Coari e o custo benefício pode ser totalmente insipiente. No final da história, o governo de Arnaldo Mitouso terá passado nos exíguos três anos e o TSE permitir, e o endividamento permanecerá. Os coarienses pagarão o pato desta falta de administração.

É evidente que as instituições, sociedade organizada e os cidadãos devem tomar conhecimento deste fato, para que seja discutido com a coletividade. Se fosse o prefeito que devesse pagar a conta, tudo bem, que este fizesse o empréstimo... Mas como são os munícipes, é necessário que haja um posicionamento coletivo e que o Poder Legislativo não cometa o erro de autorizar um empréstimo desta natureza. Coari não é um município que deve andar de pires nas mãos, Coari é um município que deveria estar prezando por investimentos e ações de desenvolvimento.
spacer

TÔ FORA

Alfredo Nascimento não terá o apoio de Amazonino Mendes, um cacique da política amazonense. O "tô fora" de Amazonino foi informado pelo próprio Alfredo Nascimento.

No ano passado, o prefeito Amazonino Mendes chegou a declarar apoio a Alfredo Nascimento, após uma visita ao presidente Lula. Palavras de Amazonino: "O Alfredo está preparadíssimo para ser governador do Estado, eu tenho candidato ao governo, já disse isso para todo mundo, deixei isto bastante claro para todo mundo, o Alfredo Nascimento".

Agora a história é outra. O que poderia sair da boca de Amazonino Mendes é o famoso "tô fora". É aquela velha história que diz que "atitudes valem mais que palavras". A presença anunciada de Amazonino na comitiva que vai à cidade de Tefé pode ser o maior indicativo disto.
spacer

DECISÃO DESFAVORÁVEL PARA ARNALDO EM BRASÍLIA: DOIS PEDIDOS REJEITADOS

Pela segunda vez em datas muito próximas o prefeito de Coari Arnaldo Mitouso (PMN) obtem decisão desfavorável em Brasília. A decisão monocrática indeferiu um Mandato de Segurança que os advogados de Arnaldo deram entrada dia 20 deste mês. Segundo Arnaldo "seria inegável a sua qualidade de terceiro interessado e o seu direito de intervir no processo" a respeito da legitimidade ou não da cassação do mandato do ex-prefeito de Coari Rodrigo Alves, direito este que não teria sido reconhecido e pelo qual teria impetrado o Mandato de Segurança.


O relator deste mandato de segurança o MINISTRO HAMILTON CARVALHIDO, em sua decisão indeferiu o mandato de segurança, afirmando que "a condição de segundo colocado no certame não legitima a atuar no processo em virtude de acórdão proferido. Caso provido o recurso dos eleitos, há o retorno ao estado anterior, então persiste a condição, do requerente, de segundo colocado. Em síntese, seja qual for o julgamento que venha a alcançar o recurso especial eleitoral, não se verifica, ante a circunstância de ter-se como premissa a segunda colocação no certame, o interesse do segundo colocado em intervir como assistente do Ministério Público".


O ministro também não proveu um Agravo Regimental (que é uma medida adotada quando uma das partes considera ter sido desrespeitado algum dispositivo do regimento, no caso, do Superior Tribunal Eleitoral). Para indeferir o Agravo Regimental o ministro decidiu "nesse contexto, não há falar em direito líquido e certo a ser protegido por meio do writ, razão pela qual, com fundamento no artigo 10 da Lei nº 12.016/2009, indefiro a inicial".


Ainda resta ser julgado um Recurso Especial. O julgamento deste recurso é quem vai dizer com quem está a razão e a legitimidade do cargo. Se Arnaldo deve permanecer no cargo ou se Rodrigo. Caso a decisão for desfavorável ao atual prefeito de Coari a eleição suplementar será invalidada e o ganhador do pleito de 2008 é quem será o legítimo chefe do executivo municipal.
spacer

LEI QUE PREJUDICARÁ FUNCIONÁRIOS DE COARI PODE SER VOTADA AMANHÃ

O Projeto de Lei de autoria do executivo municipal pode ser votado amanhã pela Câmara de Vereadores. O prefeito Arnaldo Mitouso quer diminuir o valor das indenizações dos funcionários demitidos na Prefeitura de Coari. Atualmente o valor das indenizações é de 10 salários mínimos (R$ 5.100,00) regulamentado pela Lei Municipal 445, de 24 de agosto de 2005. Já pelo Projeto de Lei do prefeito de Coari o valor diminuiria para 7 salários mínimos (R$ 3.570,00).


Se aprovado, o novo projeto prejudicaria não só os funcionários que o Arnaldo demitiu ou que venha a demitir, mas, também, todos os ex-funcionários que têm processo na justiça; vale ressaltar que muitas pessoas que tinham tem ações judiciais com valor acima de R$ 5.100,00 já renunciaram o valor excedente e agora terão que renunciar mais uma vez o valor que ultrapassar a R$ 3.570,00, ou seja, quem já perdeu terá que perder outra vez.

O governo atual fez campanha prometendo a corrigir as injustiças e voltar atenção para o valor das pessoas. O projeto do prefeito é a contradição materializada do compromisso de campanha, é a percepção clara da falta de gratidão desse governo, se levarmos em conta que a maioria dos demitidos foram pessoas que se indispuseram com os governos anteriores e conseqüentemente apoiaram o Sr. Arnaldo.

O Artigo 100 da Constituição Federal, regulamentado pela Emenda Constitucional 62 possibilita o poder disciplinar o pagamento dos valores das ações judiciais segundo sua capacidade econômica. Logo o projeto do prefeito deveria ajustar os pagamentos das ações judiciais para um valor bem maior, visto que Coari conta uma previsão orçamentária de R$ 146.000.000,00 (milhões), mas vereadores e prefeito podem estar indo na ordem inversa, ajustando para baixo. Vale ressaltar que municípios com orçamentos muitos menores pagam melhor os funcionários demitidos. Em Codajás esse valor é 30 salários mínimos (R$ 15.300,00).
spacer

BANCO EM BARCO ATENDERÁ REGIÃO ENTRE IRANDUBA E COARI


A Caixa Econômica Federal lançou edital de licitação para a aquisição de uma embarcação que funcionará como uma agência ambulante, atendendo ribeirinhos na região entre os municípios de Iranduba e Coari. A região atendida cobrirá uma área onde residem 253 mil habitantes e facilitará a vida do homem rural que tem grande dificuldade de deslocamento.
spacer

IDA DO GOVERNADOR A TEFÉ MOSTRA COMO COARI ESTÁ DESPRESTIGIADA

O governador Omar Aziz e comitivia (inclusive o ex-governador Eduardo Braga  e Amazonino Mendes)  farão visita ao município de Tefé nesta sexta-feira, visita mais do que merecida ao município vizinho da Rainha do Gás e do Petróleo. Um detalhe importante, a visita revela em seu contexto o quanto Coari está desprestigiada. Uma cidade rica, com entrada de recursos da ordem de 14 milhões de reais mensais mas que está com programas sociais desativados, salários de funcionários atrasados e calote de décimo terceiro salário.

Foram vários os boatos espalhados em Coari que o governador viria logo ao município pelo fato de ser correligionário do atual prefeito; ambos são do PMN. Há uma obra estadual (o Cais do Porto)pronto para ser inaugurada, mas até agora nada e a vinda do governador para inaugurar a obra não aconteceu. Com a importância econômica que Coari tem, e com o colégio eleitoral muito maior que o de Tefé, o município de Coari parece estar esquecido por todos. Sobra ruas esburacadas, caos administrativo, denúncias de licitações direcionadas, pagamento de fornecedores atrasados, funcionários sem receber e um ostracismo de dar dó por parte das secretrarias municipais.
spacer

VIDA DE BLOGUEIRO

Durante estes anos de blogueiro tenho observado determinados comportamentos que deixa a desejar qualquer racionalidade. Aqui no blog recebo cada comentário, que se não fossem completamente pirados, diria que são desesperadores... chegam a ser ilários. Eis aqui alguns exemplos:

O cara toda vez entra como anônimo, me esculhanbando e por fim irritado diz: - Você nunca publica os meus comentários... (Como assim? O cara não tem noção que ele tá entrando como anônimo e eu não vou saber se ele, é ele? Entende?...)

Outro caso é quando sai uma notícia instantânea, e a pessoa entra na hora, instantâneamente e escreve: "E aí Daniel, você não vai publicar isso..." O amigo quer na hora: não quer saber o que estou fazendo, se estou na frente do computador ou não, se estou viajando, dormindo, sem conexão... Tem que ser na hora.

E aqueles que são defensores de algum tipo de lado, o lado da irracionalidade. Quando o cara acha que a matéria é do lado de A escreve: "Daniel, você não é imparcial. Ou então, Daniel você está com saudade do seu "salario", coisas deste gênero. Quando escrevo algo que alguém do lado B acha que tá errado, recebo comentários do tipo: "Daniel, você é traíra? Quanto te pagaram para tu escrever isto? E aí Daniel mudou de lado?...

E o pior de todos são aqueles que entram com palavras de baixo calão e tentam atingir a vida pessoal, ou simplesmente ameaça de morte, violência e esculhambação geral, uma demostração de um raciocínio nada lógico, nada humano, nada democrático.

E sigo escrevendo este blog, não porque ele seja um jornal, ou um empresa de notícia, mas pelo prazer de escrever, de alguma forma perpetuar o pensamento. Agradeço muito quem comenta, mas seria interessante antes de comentar pensar o quanto seria interessante escrever de forma lógica e racional e lembrar que se você também pode abrir um blog e expor seus pensamentos. Muitos preferem me ofender, do que escrever.

Me sinto na obrigação de ter a liberdade de expor meu pensamento, não como alguém que está escrevendo um jornal, mas um registro diário do momento histórico de Coari e do mundo. Não me importo muito com que prefere ser irracional. Escrevo isto não porque queira me justificar para quem quer que seja. É apenas um registro para muitos que não sabem aquilo que não é publicado, por respeito as pessoas ou por entender que não deve ser publicado, a final o blog é meu.
spacer

CHALUB DIZ QUE PREFEITOS ACUSADOS DA PRÁTICA DE HOMICÍDIO DEVEM SER JULGADOS LOGO


Arnaldo Mitoudo / Hilton Laborda

O povo de Coari ao deixar de eleger um professor e ao ter eleito um cidadão acusado de homicídio deveria saber que vez por outro o caso estaria na mídia regional. E é o que está acontecendo.

Desta vez, segundo o Blog da Floresta, o presidente do TJA, desembargador Domingos Chalub, afirmou que o prefeito de Coari será julgado em Manaus nos próximos meses pelo assassinato de Odair José e o prefeito de Novo Aripuanã, Hilton Laborda, conhecido por Peixoto, também deve ser julgado o mais rapiodamente possível para que os crimes não preescravam.

Chalub lembrou que se os crimes preescreverem, juízes e desembargadores poderão ser responsabilizados por tal. Tanto Mitouso como Hilton Laborda são acusados de assassinarem ex-prefeitos no Amazonas. Mitoso teria atirado e matado Odair José em meio a uma confusão entre um grupo de amigos com seguranças do ex-prefeito Odair. O caso de Hilton Laborda é muito mais sério: ele é acusado de matar o prefeito o prefeito Adiel Meira de Santana, de quem era vice prefeito, em 2002, na praça de alimentação do Dom Pedro em Manaus.

O próprio pistoleiro, Chaguinha, teria confessado o crime e acusado Hilton Laborda de ser o mandante do homicídio.

Se os crimes preescrevem, ambos ficarão impune, o desembargador concluiu: "A Justiça vai ter que apressar tais julgamentos para que o Amazonas não venha a dar um triste exemplo de impunidade".

spacer

PT EM COARI, ENTRE A IDEOLOGIA E A REALIDADE


O presidente do PT em Coari: insatisfação, segundo o Blog da Floresta.

A ideologia, o ideal de vida que servia de base para muitos (que depositaram suas forças para elevar ao governo no município de Coari um candidato que representasse seriedade, responsabilidade e transparência) vai caindo por terra diante da dura realidade de salários atrasados, pagamentos a funcionários não realizados, perseguição política e acima de tudo a fama de corrupto que se alastra amazonas à fora.

Me chamou a atenção este final de semana, o comentário publicado no Blog da Floresta,onde o presidente do PT em Coari, o senhor Manoel Curico Medeiros revela sua insatisfação. Segundo o blog é "muito grande a insatisfação dos petistas com a falta de gestão na prefeitura. Curico diz que a administração de Mitoso tem erros graves, como o de não pagar corretamente e em dia os salários dos funcionários. O pior mesmo é que o prefeito não permite a mínima transparência na aplicação dos recursos, um preceito democrático que prometeu tantas vezes cumprir". Detalhe, Manoel Curico é cunhado do prefeito Arnaldo Mitouso.

Problemas familiares à parte, o fato é que muitos apostaram as fichas em um ideal que foi despedaçado pela maneira como "a coisa pública" vem sendo administrada em Coari. Enquanto o município definha, sem se quer a manutenção dos aparelhos públicos, o enriquecimento do prefeito é patente diante de todos. A distribuição de renda através de programas socias foi interrompida e nada foi criado para substituir o programa social, as portas dos ginásios estão trancadas para a os alunos coarienses que não podem contar com o apoio da prefeitura nos eventos escolares, e só há registros de licitações milionárias. Assim, não há ideal que resista. Se for real a declaração de Curico, ele só um de tantos decepcionados.
spacer

MELARÁ, MELO?

O Blog do Holanda traz a informação de que Melo estaria preocupado com a definição do vice de Omar Aziz. Segundo o jornalista Melo teria perdido o sono nos últimos dias. O possível futuro vice-governador já ouviu do ex-governador Eduardo Braga que será o candidato a vice, "mas não entende por que e m público o novo cacique do PMDB diz que quem vai decidir é a executiva do partido. Melo (e a torcida do Flamengo) suspeita que vai levar uma baita de rasteira. Para amigos, o velho professor tem confidenciado": "dessa vez meu coração não aguenta uma traição. Eu sou capaz de morrer!". E morre mesmo (fechou o jornalista)...
spacer

ESPECULAÇÃO SOBRE GEDEÃO

Corre a especulação na capital que Gedeão Amorim pode abortar sua candidatura a Deputado Federal e voltar a coordenar a SEDUC. A informação veiculada pela coluna SIM & NÃO do Jornal A Critica, segundo a coluna:

Volta, Gedeão Circulou ontem informação de que o ex-titular da Seduc Gedeão Amorim poderá abortar seu projeto de candidatura a deputado federal para voltar à pasta. A secretaria ficou sem titular com a morte da professora Cíntia Régia.

Gritos Quando chegou a Manaus, na sexta-feira, ao ver Gedeão no aeroporto, Braga gritou que queria falar muito com ele. O apelo reforçou a especulação.

O tempo dirá se só passa de especulação ou se a notícia será confirmada.
spacer

AMAZONAS: ATO PRÓ-OMAR

O coro engrossa em torno da figura do atual governador do Estado do Amazonas. Recentemente houve uma reunião com todos os prefeitos do Estado e ontem foi a vez dos deputados estaduais manifestarem o seu apoio ao atual governador, tudo sob a batuta de um maestro que deixou a casa arrumada e foi preparar-se para voltar com toda a força: trata-se do governador Eduardo Braga.

Alfredo Nascimento e Serafim vão enfrentar uma pedreira, pois o Amazonas com seu tamanho continental apresenta grande dificuldades para articulações rápidas. Somente quem tem a estrutura da máquina governamental pode se articular com uma certa velocidade e parece que Omar Aziz está conseguindo realizar esta articulação.
spacer

SENADO APROVA FICHA LIMPA POR UNANIMIDADE

O Senado aprovou por unanimidade nesta quarta-feira (19) o projeto Ficha-Limpa, que impede o registro de candidaturas de políticos com condenação por crimes graves após decisão colegiada da Justiça (mais de um juiz). A inelegibilidade do político será de oito anos.

Não há consenso, no entanto, para a aplicação da lei na eleição de outubro. Para alguns, caso o projeto seja sancionado por Lula antes das convenções que definem os candidatos, as regras podem ser aplicadas; outros parlamentares dizem que a proposta teria de ter sido aprovada em 2009 para poder valer neste ano. Essa questão deve ser decidida pelo TSE (Tribunal Superior Eleitoral).

O líder do PSDB no Senado, Arthur Virgílio, já entrou com um questionamento no tribunal sobre a validade da lei, mas o TSE ainda não se pronunciou.

O Ficha-Limpa é um projeto de iniciativa popular: recebeu 1,6 milhão de assinaturas e foi apresentado ao Congresso em setembro do ano passado.

O senador Demóstenes Torres (DEM-GO) estimou que cerca de 25% dos futuros candidatos devem ser barrados com a nova lei.
spacer

MUDANÇA NO SECRETARIADO

Especulações dão conta que o prefeito de Coari Arnaldo Mitouso vai promover uma mudança significativa em seu secretariado. As possíveis secretarias onde as mudanças ocorreriam seriam: Saúde, Meio Ambiente e Comunicação, além de outras duas que não foram confirmadas ainda. A informação não e oficial, mas a decisão pode ser oficiliaziada amanhã (20).
spacer

DO BLOG DO HOLANDA: DESEMBARGADORA DEFINE JULGAMENTO DE MITOUSO (COM MAIS DETALHES DO BLOG EM DESTAQUE)


O prefeito de Coari, Arnaldo Mitouso, acusado de matar a tiros o médico Odair Carlos Geraldo, em agosto de 1995, será julgado pelo Tribunal de Justiça do Amazonas. De acordo com despacho da desembargadora Encarnação das Graças Sampaio Salgado, os outros seis réus que não possuem foro por prerrogativa de função devem ser julgados pelo Tribunal do Júri, na Comarca de Coari.

Além de Mitouso, figuram como réus no processo que se arrasta há cerca de 15 anos, Francisco Almeida Monteiro, José Clemilton Moraes da Silveira, José Gebert Vieira de Souza, João Moraes da Silveira e Haroldo Bruno Campos dos Santos, que serão levados s Júri Popular.

Mitouso já foi preso

Arnaldo Mitouso, acusado do homicídio, em 1995, chegou a ser preso por policiais da 12ª Delegacia Regional de Polícia Civil. A prisão ocorreu por determinação do juiz Hugo Fernandes Levy, que na época substituiu a juíza Careen Aguiar, da 1ª Vara da Comarca de Coari.

Um fato estranho ocorreu com a eleição de Arnaldo Mitouso ano passado. Ele nomeou testemunhas do assassinato de Odair Geraldo, em 1995, para o primeiro escalão da administração municipal. O secretário do Meio-Ambiente, Romão Almeida, foi um dos beneficiados com a bondade do prefeito. Romão teria sido autor de um disparo que atingiu Mitouso. Na época ele era segurança do médico assassinado. Outro é Aldir Martins, secretário de Esportes, e Circe Maria Silva, secretária-adjunta da Ação Social.


Decisão Monocrática

<...> Ao exposto, determino o desmembramento do feito com relação aos demais réus que não possuem foro por prerrogativa, devendo os mesmos ser julgados pelo Tribunal do Júri da Comarca de, qual seja, a 1ª Vara de Coari/AM.

O Blog Coari em Destaque entrou em contato com um dos réus que segundo a notícia pela decisão da desembargadora será julgado em Coari e ele afirmou que não há pendências jurídicas relacionadas ao assunto, tendo sido absolvido. Um outro nome é de uma pessoa já falecida, que nem deveria mais constar no processo, tratasse de João Silveira que já faleceu à quatro anos. Sobre os outros nomes, não foi possível entrar em contato, mas a decisão monocrática da desembargadora Encarnação das Graças Sampaio Salgado é uma realidade.

Outro detalhe interessante foi o fato do Secretário Adjunto de Terras ter ido à Rádio Cidade hoje e afirmado que também é testemunha do caso. Soma-se aí mais uma testemunha que compõe o primeiro escalão do governo municipal. O professor Natinho, disse que é testemunha e que seu depoimento será fundamental para inocentar o seu chefe hieráquico.
spacer

POPULARES REALIZAM MANIFESTAÇÃO EM FRENTE À CÂMARA CONTRA O DESCASO EM QUE SE ENCOTRA COARI


Salários atrasados, aposentados e pensionistas sem receber, fornecedores com pagamentos atrasados, transporte escolar sem pagamento, a cidade sem a realização de nenhuma obra e tantos outros problemas que vive a cidade de Coari, levaram os populares a realizar uma manifestação em frente à Câmara Municipal. Mesmo tendo já movimentado quase 100 milhões de reais nos 8 meses de seu governo Arnaldo Mitouso continua atrasando pagamentos, fal hando com pagamento de fornecedores e prestadores de serviço e acima de tudo sem realizar obras que justifiquem contratos milionários fechados com empresas que não tinham a devida estrutura para ganhar as licitações, o que gerou suspeita de licitações fraudulentas.

Insatisfeitos com a situação, muitos populares foram à frente da Câmara Municipal manifestar repúdio ao descaso como a administração de Arnaldo Mitouso vem conduzindo o município de Coari. A insatisfação revelada na pesquisa feita meses atrás, começa a ganhar corpo através das manifestações públicas que parecem não vão parar por aí, pois outras entidades de classe estão se preparando para reividincar os direitos que estão sendo esquecidos pela atual administração.
spacer

DECISÃO FALSIFICADA CIRCULA EM COARI


Um documento falso, com uma falsa decisão do TRE circulou ontem a noite durante a realização da manifestação de populares em Coari. No documento apócrifo, que seria uma Ação Cautelar indeferida pelos ministros do Tribunal Superior Eleitoral, impresso em tinta vermelha, os ministros teria indeferido a ação cautelar e tirando qualquer chance de Rodrigo Alves, inclusive com arquivamento do processo. Ocorre, que como disse no início a decisão e o documento eram falsos.

Na verdade, na data de ontem já não havia nenhuma Ação Cautelar em aberto. O único processo, que aguarda julgamento do mérito é um Recurso Especial movido por Rodrigo Alves e as partes envolvidas na cassação do mandato. Não se sabe a custa de quê, ou o motivo que teria levado a alguém falsificar uma decisão do Tribunal Superior Eleitoral. Fato é que muitas pessoas ficaram em dúvida, através da atitude criminosa de falsificar documentos.
spacer

MESMO TENDO ENTRADO 14 MILHÕES DE REAIS NA PREFEITURA DE COARI: APOSENTADOS E PENSIONISTAS NÃO RECEBERAM SEUS SALÁRIOS


Inexplicavelmente a prefeitura municipal de Coari continua com um atraso de pagamento que não tem a menor lógica. Hoje, 18 de maio, os aposentados e pensionistas e muitos funcionários ainda estão sem receber o pagamento de seus salários referentes ao mês de Abril. O atraso fica mais difícil de explicar pelo fato de ter entrado nos cofres da prefeitura de Coari a soma de mais de 14 milhões de reais oriundos de impostos federais, estaduais e da própria arrecadação municipal.

Chega a ser mais chocante o tratamento prestado aos aposentados e pensionistas, pessoas estas que já deram sua parcela de colaboração para o município mas que não estão recebendo o reconhecimento devido. E com es ta arrecadação milionária, tendo 8 meses de governo, Arnaldo Mitouso já tem uma identidade própria como gestor público, os problemas que durante a transição eram atribuídos aos seus antecessores já não podem mais ser utilizados como desculpas, principalmente se o cidadão coariense, assim como o funcionário público municipal somar o valor das entradas correntes de valores na prefeitura de Coari que nestes 8 meses ultrapassa 80 milhões de reais, valor suficiente para organizar a administração pública de Coari e no mínimo manter o pagamento dos funcionários atualizados.
spacer

Serra lidera entre ricos e Dilma é preferida por nordestinos

Se a pré-candidata petista à presidência da República, Dilma Rousseff, aparece pela primeira vez à frente do tucano José Serra na corrida pelo Palácio do Planalto na pesquisa espontânea - quando o entrevistador não apresenta um rol pré-existente de candidatos - o desempenho da ex-ministra da Casa Civil ainda está focalizado no eleitorado masculino. Primeira mulher a ter chances reais de vitória no pleito de outubro, Dilma baseia seu desempenho, por ora, nas conquistas do governo Lula, do qual fez parte nas chefias dos ministérios de Minas e Energia e da Casa Civil.

Conforme o relatório de cruzamentos da pesquisa CNT/Sensus divulgada nesta segunda-feira (17), como uma espécie de herança de seu mentor, o presidente Lula, a concentração dos potenciais eleitores da petista está na região Nordeste, onde os programas de assistência do governo federal, como o Bolsa Família, estão mais presentes. Entre os nordestinos, quando comparados Dilma, Serra e a pré-candidata do PV, Marina Silva, a petista lidera as preferências, com 50,2% ou 20,9 pontos percentuais acima do ex-governador de São Paulo, que marca 29,3% na região. Marina registra 6,4% da preferência dos moradores do Nordeste. A avaliação positiva de Lula entre os nordestinos, aponta a CNT/Sensus, chega aos 85,6%.

spacer

DENÚNCIAS ACATADAS

As denúncias referentes às licitações direcionadas e fraudulentas e outras denúncias feitas pelo deputado federal Sabino Castelo Branco foram acatadas pelo ministério público que passará a investigar as denúncias. O prefeito de Coari Arnaldo Mitouso está sendo acusado de montar um esquema para dispensa de licitações, licitações direcionadas para empresas que já estavam no esquema para ganhar os certames. As denúnicias foram encaminhadas também para outras instituições reguladoras da administração pública.
spacer

MUDANÇA DE DISCURSO

A contagem regressiva aproxima a data do maior acontecimento do ano no Estado do Amazoanas: e não é a Copa do Mundo de Futebol. São as eleições, sim, do jeito que o amazonense respira política este só poderia ser o maior acontecimento do ano. Depois das eleições tudo volta ao marasmo, mas até lá, há muito pano para mangas. O Jornal A Critica traz um resumo do discurso político dos principais líderes nesta área no Amazonas, e a matéria é bem reveladora:

EDUARDO BRAGA

Braga foi incumbido pelo presidente Lula de montar um palanque para acomodar a base aliada e o candidato a governador indicado pelo presidente. No início deste ano, ao mesmo tempo em que o ex-governador se colocava como artífice tal missão, articulava a candidatura de Omar em discursos pela continuidade de sua gestão. Às vésperas de deixar o cargo, no final de março, mudou o tom do discurso e posou de conciliador.

AMAZONINO MENDES

De olho nas benesses do Governo federal, Amazonino não poupou elogios a Alfredo Nascimento na frente de Lula, em abril de 2009, na entrega do conjunto Cidadão IX. Colocou-se como soldado para agir na eleição de 2010 sob o comando do presidente. Voltou a dizer a mesma coisa em janeiro em audiência no Palácio do Planalto. Na última terça-feira, depois da benção de Lula à chapa Alfredo/Serafim, o prefeito disse que está fora dessa composição.

SERAFIM CORRÊA

Serafim virou 2009 dizendo não arredar o pé da candidatura a governador. Encabeçaria a chapa sustentada pelo PSB, DEM, PSDB, reedição da aliança que o socorreu em 2008. Partiu para o ataque contra Alfredo Nascimento e Braga. Acusou o ex-ministro de fazer propaganda enga nosa sobre os portos do interior. Na última quinta-feira, firmada a aliança com Alfredo disse que o parceiro não teve culpa. Repassou os recursos. A responsabilidade pelo problema dos portos, agora, é do Governo Estadual.

ALFREDO NASCIMENTO

Alfredo Nascimento, em fevereiro, durante inauguração do viaduto Gilberto Mestrinho, afirmou, diante de Braga e Amazonino, que aventureiros irão aparecer para botar defeito nas atuais gestões. Na última terça-feira, disparou críticas à administração de Braga. Denunciou o abandono do interior. Em março, para se esquivar do problema do Expresso, o ex-ministro colocou a culpa pelo fracasso do projeto nos seus sucessores, Carijó e Serafim. Agora uniu-se ao ex-prefeito.

OMAR AZIZ

Omar Aziz começou o ano dizendo-se fiel a Lula e à pré-candidata petista Dilma Rousseff. No final de abril, depois do apoio do PT a Alfredo, acenou com a revoada para a campanha do tucano José Serra. Uma semana depois foi ao Palácio do Planalto jurar fidelidade ao palanque petista. Depois da reunião de Lula com Alfredo e Serafim, disparou que a eleição no Amazonas não se resolve por meio de conchavos políticos.

A matéria é assinada pelo jornalista Aristides Furtado e é muito interessante para observar a todos os candidatos.
spacer

A CAVERNA DOS ECOS


Caminhando pela estrada da vida
Deparei-me com a uma gruta diferente
Em sua fachada, coberta de musgos,
Havia uma placa escrita assim: "Caverna dos Ecos".
Ali alguém me disse sem desdita
Que ao proferir qualquer palavra ante a caverna
As respostas viriam ao contrário
Como ecos da verdade nunca dita.

Parei...

Olhei para o interior escuro da caverna
Pensei se deveria exclamar qualquer palavra
Ou seguir meu caminho sem respostas.
Me consumia uma angústia interna.
Foi naquele momento, em que a dúvida me abatia
Que resolvi tomar coragem para falar
Em fim, sobre o que se resumiriam as virtudes?
Estariam de acordo com o meu pensar?

Então gritei:
_ Gratidão!
O eco veio do interior da gruta:
_ Interesse...

Pasmei...
Mas, gritei novamente:
_ Amigos!
O eco reverberou:
_ Interesseiros!

Desiludido com as respostas
Respirei profundamente
E na ânsia por algo que me alentasse
Diante das decepções
Busquei uma única palavra
Que resumisse os anseios
Profundos das maiores respostas

E gritei:
_ Vida!
Nenhuma resposta veio.
Nenhum som.
Eco algum.
Apenas o silêncio.

Resoluto segui meu caminho.
Realmente não há respotas
Para todas as questões da vida.

Autor: Daniel Maciel.
spacer

MOVIMENTAÇÃO EM BRASÍLIA: INDEFERIMENTO

Foi indeferido ontem em Brasília o pedido do atual prefeito de Coari Arnaldo Mitouso no processo que trata sobre o mérito da cassação do prefeito eleito em 2008 Rodrigo Alves da Costa. Os recursos sobre o assunto ainda não foram julgados em última instância. Dependendo da decisão dos ministros do TSE Rodrigo Alves poderá voltar ao cargo de prefeito de Coari.

O Jornal A Critica, na Coluna SIM&NÃO deu destaque ao assunto dizendo: "Processo que pede o retorno do ex-prefeito de Coari Rodrigo Alves ao cargo voltou a andar. Na quinta-feira, o ministro do STF Marco Aurélio negou expediente do atual prefeito, Arnaldo Mitouso, que pediu para ser assistente do Ministério Público na causa".

Os advogados de Arnaldo apelaram ao TSE alegando que "o provimento dos recursos o prejudicaria diretamente, pois detinha a possibilidade concreta de assumir o cargo após o escrutínio suplementar", ou seja, este pedido de Arnaldo como parte interessada feito antes da eleição suplementar era para garantir uma interferência no caso como assistente do Ministério Público o que daria a Arnaldo o direito de em alguma forma interferir no processo e também nas decisões que viriam a ser tomadas pelos ministros. Este direito foi negado em Brasília.

Em decisão monocrática Marco Aurélio indeferiu o pedido de Arnaldo expondo as seguintes premissas: "A persistir o quadro retratado na origem, não ocorre o interesse jurídico do recorrente, visto que se determinou a realização de novas eleições. Assim, a condição de segundo colocado no certame não legitima a atuar no processo em virtude de acórdão proferido", ou seja, se a decisão do TRE-AM for mantida a eleição já foi realizada, e como houve nova eleição, a condição de segundo colocado alegada por Arnaldo uma vez que houve outra eleição.


Seguindo em sua decisão o ministro afirmou também que "caso provido o recurso dos eleitos, há o retorno ao estado anterior, então persiste a condição, do requerente, de segundo colocado. Em síntese, seja qual for o julgamento que venha a alcançar o recurso especial eleitoral, não se verifica, ante a circunstância de ter-se como premissa a segunda colocação no certame, o interesse do segundo colocado em intervir como assistente do Ministério Público", ou seja, se os eleitos (Rodrigo, Leondino, Zé Henrique e Adão) haverá o retorno ao estado anterior a decisão do TRE: tudo que foi feito depois não terá mais nenhum valor legal e o que valerá foi o que foi decidido pelos eleitores no pleito de 2008, portanto, o fato de Arnaldo ter sido o segundo colocado nas eleições de 2008 não o legitimaria como assistente do Ministério Público.

spacer

COARI: PRESIDENTE DA CÂMARA ARGEMIRO BRASIL MOSTRA FORÇA


Argemiro vence disputa jurídica.

O Presidente da Câmara Municipal ganha uma disputa jurídica com a Prefeitura Municipal de Coari, disputa esta que estava acontecendo silenciosamente no Poder Judiciário e era relacionada ao repasse integral dos recursos para o poder legislativo que não estavam sendo realizados pela prefeitura de Coari. No dia 11 de maio o desembargador Thury, determinou o sequestro do valor total requerido pela câmara; da prefeitura de Coari, com relação a diferença do repasse que vinha sendo feito a menor. O gerente do Banco do Brasil foi comunicado através do ofício nº 1.302/2010, pelo qual foi determinado o imediato bloqueio, da quantia requerida, junto a Agência Bancaria do Banco do Brasil S/A, Coari/Am.

O valor bloqueado não foi informado, mas a decisão favorável ao poder legislativo mostra que sem fazer barulho o Presidente da Câmara Argemiro Brasil conseguiu uma vitória que no mínimo o fortalece políticamente. Com o devido valor sendo depositado em sua origem na conta da Câmara Legislativa a administração das contas do poder legislativo podem ser organizadas gerando um independência financeira e administrativa. A Câmara não fica refém aos "desejos" do prefeito.

O Blog Em Destaque ainda não conseguiu contanto com o Presidente da Câmara para falar a respeito do assunto. Segundo sua assessoria, Argemiro Brasil está em viagem de trabalho à Zona Rural do município de Coari.

spacer

UMA COARIENSE NO ACIDENTE AÉREO


Entre as vítima do trágico acidente aéreo que matou 05 técnicos da Seduc - Am na tarde de ontem (13), estava uma coariense. Trata-se de MARIA SUELY DA COSTA SILVA ex-esposa do professor Ronaldo de Assis Rocha. O acidente deixou na orfandade suas duas filhas: Auristela e Ronalda. Maria Suely era técnica da Gerência de Atendimento Educacional Específico, do Departamento de Políticas e Programas Educacionais - Deppe/Seduc e tinha 49 anos. Formada em Teologia pela Ufam, com pós-graduação em Educação Especial era professora integrada e efetiva da Seduc desde 1993.
spacer

FOTOS DO ACIDENTE AÉREO QUE VITIMOU FUNCIONÁRIOS DA SEDUC - AM, O AVIÃO PERTENCIA A MESMA EMPRESA QUE GANHOU A LICITAÇÃO PARA FORNECER A UTI AÉREA PARA A PREFEITURA DE COARI.

FONTE: Blog do Holanda.

spacer

COARI: INCOMPETÊNCIA JURÍDICA - PREFEITURA DE COARI QUER CRIAR LEI QUE JÁ EXISTE


A prefeitura municipal de Coari enviou para a Câmara Municipal o Projeto de Lei Nº. 007/2010, de 01 de Março de 2010, que dispõe sobre o parcelamento de débitos oriundos de contribuições previdenciárias devidas e não repassadas ao Regime Próprio de Previdência Social-RPPS, com vencimento até 31 de janeiro de 2009. Este Projeto de Lei pretende obter autorização do poder legislativo, para proceder o parcelamento em até 240 (duzentos e quarenta) meses do total devido das contribu-ições previdências aos COARIPREV.

Ocorre que o art. 88 da Lei Municipal nº. 518/2008, que dispõe da reestruturação do Regime Próprio de Previdência Social do Município de Coari/AM- RPPS, do Fundo de Previdência Social do Município de Coari- FPS, e do COARIPREV- Instituto de Previdência do Município de Coari/AM, já autoriza o parcelamento em até 240 (duzentos e qua-renta) vezes da dívida existente da municipalidade com o COARIPREV.

O Projeto de Lei 007/2010 é um erro gravíssimo da atual administração municipal, e dá sua má assessoria, em não analisar as leis em vigor desta municipalidade. Segundo especelialistas da área, se o projeto de lei for aprovado pela Câmara ocorrerá um "bis in idem", ou seja, uma repetição de Leis. O Projeto de Lei está em conflito com as recomendações que determina a Constituição Federal, a Constituição Estado do Amazonas, Lei Orgânica do Município de Coari, Lei de Responsabilidade Fiscal, atendendo também as técnicas legislativas vigentes, e a moralidade. O Blog em Destaque estará analisando outros projetos de lei que estão tramitando na Câmara para mostrar aos cidadãos os bastidores da elaboração das leis pelas quais seremos governados depois de aprovados. É bom o cidadão ficar de olho.
spacer

COARI: ELES NÃO QUEREM TRANSPARÊNCIA


Uma das propostas do governo Arnaldo Mitouso era exercer um governo transparente, mas como outras propostas que cairam ao chão, a tão desejada transparência ficou apenas no desejo dos eleitores que acreditaram e estão extremamente decepcionados. Mais uma vez, na prática o discurso é outro. Foi o que ficou provado na sessão da Câmara Municipal de Coari ontem (11).

Mediante a denúncia de mais de uma dezena de catraeiros que afirmaram estarem com pagamentos atrasados a dois e até a três meses, o vereador Emídio Neto (PP) requereu a aprovação da convocação da Secretária de Educação para prestar esclarecimento sobre o assunto, uma vez que a empresa JONILTON F. AMORIM - ME ganhou uma licitação e um contrato com a Prefeitura de Coari no valor de R$ 9 milhões de reais para o transporte escolar na Zona Rural.

A TROPA DE CHOQUE

Foi neste momento que entrou em ação a tropa de choque do Prefeito Arnaldo Mitouso na Câmara Municipal de Coari. Liderados pelo vereador Adnamar Maciel, os vereadores Clemilton Silveira, Miguel Corrêa e Dr. Natanael cumpriram a missão de vetar a convocação e votaram contra a vinda da Secretária de Educação para prestar os devidos esclarecimentos ao Poder Legislativo. A convocação de secretários municipais e até mesmo do prefeito é prevista pela Lei Orgânica e pelo Regimento Interno da Câmara Municipal e faz parte da dinâmica da gestão municipal. Mesmo assim, os vereadores vetaram. Se há alguma coisa a esconder sobre esta licitação e a origem do pagamento do transporte escolar vai permanecer uma incógnita.

Os veredores Emído Neto, Márcio Oliveira e Vicente do Zito prometem não abrir mão de investigar o caso. Pretendem criar um comissão especial para investigar o descaso com o pagamento do Transporte Escolar e esclarecer tudo. Se houver algum tipo de irregularidade, os vereadores pretender encaminhar o assunto ao ministério público. O grande problema é que para abrir uma comissão especial de investigação é preciso contar com 1/3 dos vereadores o que está inviabilizando a tentativa de transparência uma vez que a blindagem ao chefe do executivo é acionada toda vez que é preciso investigar os atos do prefeito de Coari.
spacer

9 MILHÕES DE CONTRATO PARA TRANSPORTE ESCOLAR E CATRAEIROS SEM RECEBER

Mais uma licitação milionária e mesmo assim os catraeiros estão sem receber.

Em Coari, uma única empresa foi a ganhadora da licitação para o transporte escolar. Trata-se da empresa JONILTON F. AMORIM - ME ganhadora do lote único que gerou o contrato 091/2010 no valor de R$ 9 milhões de reais para atender o transporte escolar da Zona Rural do Município de Coari. O contrato milionário está chamando atenção e a revolta dos catraeiros que prestam serviço para a prefeitura de Coari. Os catraeiros estão com o pagamento atrasados, alguns já vão para três meses de atraso: a revolta é grande.

Sem entender o motivo dos atraso, até mesmo os donos de algumas empresas querem explicações sobre este contrato de 9 milhões de reais. O detalhe mais intrigante para o fato é que há recursos federais especifícamente destinados para o transporte ecolar que caem na conta da prefeitura de Coari religiosamente, o que não justificaria o atraso do pagamento do transporte escolar.

Enquanto o pagamento não sai, os alunos da zona rural ficam sem professores, pois para que os mesmos cheguem as comunidades dependem do transporte dos barcos alugados pela prefeitura de Coari. Se os catraeiros passam 10 ou mais dias esperando o pagamento na cidade, os professores passam 10 ou mais dias sem poderem se deslocar para a escola onde lecionam.
spacer

ELEIÇÕES 2010: ALFREDO E SERAFIM PARA O GOVERNO DO ESTADO DO AMAZONAS


A eleição para governador do Estado do Amazonas seguirá polarizada e uma das chapas já está fechada muito antes das convenções partidárias. É uma chapa de peso: Alfredo e Serafim. Alfredo Nascimento (PR) ex-ministro dos transporte e senador, além de ter sido prefeito de Manaus e contar com uma experiência política invejável e Serafim Corrêa (PSB) ex-prefeito de Manaus e um político com experiência na esquerda política do Amazonas.

Contando com as bênçãos do presidente Lula, Alfredo e Serafim partem na frente e forçam Omar Aziz definir qual será o nome que irá compor com ele para o calderão da polítíca regional começar a ferver.
spacer

DO BLOG DO HOLANDA: MITOUSO PODE CAIR EM COARI

O Blog do Holanda traz a seguinte notícia: O recurso especial interposto pelo prefeito cassado de Coari, Rodrigo Alves, será julgado em duas semanas pelo Tribunal Superior Eleitoral. O caso está nas mãos do ministro Celso de Melo. No recurso, Rodrigo aponta vícios no seu processo de cassação pelo TRE e pede a anulação da decisão que o afastou, no dia 7 de julho do ano passado, juntamente com o seu vice, Leondino Coelho de Menezes, do comando da prefeitura.

Se o TSE acolher o recurso, Rodrigo assume imediatamente a prefeitura do Município, ficando nula a eleição realizada em 20 de setembro e que elegeu o atual prefeito, Arnaldo Almeida Mitouso (PMN).

Além de vícios que, segunda a defesa de Rodrigo, contaminaram o processo, a decisão do Tribunal Regional Eleitoral em realizar novas eleições é contestada porque, no entendimento dos advogados, a corte regional deveria ter esperado esgotar ios recursos aos quais o prefeito cassado tinha direito.

Essa precipitação pode ser debitada na conta dos "excessos"atribuídos ao Tre nos últimos anos.
spacer

Farc operavam base de rádio em Manaus

Uma antena de rádio amador de alta potência no sítio do colombiano José Samuel Sánchez, apelidado de "Tatareto", preso na quinta-feira pela Polícia Federal em Manaus, era o principal meio de comunicação de membros das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc) com traficantes de drogas do Amazonas. Uma fonte da Polícia Federal disse ontem que a torre estava no alto de uma árvore de dez metros de altura, no sítio de Sánchez, em Tarumã, zona rural da capital amazonense.

spacer

Afeam começa liberação de R$ 1,7 milhão em financiamentos no interior do Estado

A Agência de Fomento do Estado do Amazonas (AFEAM) começa a liberar hoje (10), mais de R$ 1,7 milhão em financiamentos no Estado. O benefício será destinado a empreendedores de municípios Beruri, Boca do Acre, Canutama, Lábrea, Pauni e Tapauá, localizados na Calha do Rio Purus.

LEIA A MATÉRIA COMPLETA AQUI
spacer

A FESTA DO DIA DAS MÃES E A POLÊMICA EM TORNO DA PREFEITURA DE COARI

Fotos de Arquivo: "A festa não se resumia a presentes, havia também o caráter social e cultural durante a realização das comemorações ao dia das mães em Coari".

Vez por outra há uma tentativa de tentar vender a idéia da realização da festa do dia das mães, como uma manifestação meramente eleitoreira. Este ano, nem homenagem, nem referência ao dia das mães por parte do governo municipal e além disto, nem pagamento dos funcionários o que travou o comércio local. Quer dizer: além de não fazer a homenagem merecida as mães o governo municipal de Coari, pelo não pagamento dos funcionários impediu muitos filhos de homenagearem suas queridas mães. Dizer que uma homenagem as mães é meramente eleitoreira é disvirtuar uma manifestação merecida aquela pessoa que é responsável pela gênese da família.

A QUESTÃO DO JULGAMENTO DE RODRIGO ALVES E A COMEMORAÇÃO DO DIAS DAS MÃES

O fato que levou a decisão do TRE-AM para a cassação do prefeito de Coari eleito em 2008 Rodrigo Alves, tem a ver diretamente com a realização da festa das mães. Na época, ele como vice-prefeito, sem ter o nome definido para concorrer as eleições, antes mesmo de qualquer convenção ter sido realizada, participou como autoridade local que era, das festas em homenagem ao dia das mães que eram realizadas há 13 anos no município de Coari.

A festa em homenagem ao dia das mães era realizada em Coari desde 1995, e não se restringia apenas ao sorteio de brindes, era na verdade, um evento de cunho social, um dos projetos em execução planejados pela Secretaria de Ação Social da Prefeitura de Coari nos últimos 8 anos. No decorrer dos 13 anos em que o evento foi realizado em Coari, milhares de mães foram contempladas com uma atenção especial, tendo aspectos da vida em comunidade, lazer e outros critérios psicossociais e de relacionamento acompanhados por assistentes sociais. Um trabalho que seguia um planejamento de projeto sério.

Por se tratar de uma festa oficial, comemorada em todo o Brasil, o projeto seguia o modelo de anos anteriores, sempre sendo aprimorado. O dia das mães foi oficializado no Brasil desde 1918. Em 1932, o então presidente Getúlio Vargas oficializou a data no segundo domingo de maio, e a partir de então, a data é comemorada tradicionalmente com sorteio de brindes em escolas, associações, igrejas e outras instituições todos os anos.

Por falar no caso da cassação de Rodrigo Alves, em maio, o então vice-prefeito Rodrigo Alves, o vereador Leondino Menezes ainda não eram pré-candidatos. Eles participaram do evento como autoridade do município , assim como os vereadores que foram convidados para o evento. A festa do dia das mães não foi fator decisivo de eleição, tanto prova que muitos dos candidatos a veredores e vereadores com mandato que participaram da Festa do Dia das Mães em Coari não foram eleitos no pleito de 2008, dentre eles, o vereador Bita Torres, Antonio Araújo entre outros.

A grande questão em torno da polêmica em torno da festa coariense em homenagem ao dia das mães é o seguinte: as mães de coarienses merecem ou não serem homenageadas pelo poder público? Este ano, sem pagamento de salários no dia das mães está sendo uma homenagem justa? Cada filho deve intimamente saber responder como cidadão a esta indagação.
spacer

COARI: MESSIAS DO LOJÃO DO POVO ROMPE COM ARNALDO MITOUSO


O empresário Messias Oliveira, proprietário de lojas em Coari, Tefé e Codajás e que foi um dos muitos empresários coarienses que apoiou Arnaldo Mitouso (PMN) para prefeito de Coari declarou a este blog que tomou a decisão de romper com Arnaldo tendo em vista o descaso em que se encontra o município de Coari, com não pagamento dos funcionários públicos e a má gestão que está em andamento em nosso município. Messias foi candidato a prefeito de Coari em 2008, e até agora fazia parte da base política de apoio à Arnaldo.

Na eleição suplementar, Messias Oliveira apoiou Arnaldo Mitouso e Railson Torres para prefeito de Coari. Seu apoio, como o de muitos empresários foi essencial para levar Arnaldo à condição de prefeito, mas pelo jeito o desgaste político do prefeito de Coari está ficando mesmo fora de controle. Ao invés de conquistar novos aliados, Arnaldo perde. Messias surpreendeu a população coariense, ao enviar uma carta à Rádio Nova Coari FM, tornando público o seu repúdio à situação em que se encontram os funcionários públicos municipais e o município de Coari como um todo e comunicando não fazer parte do grupo político do atual prefeito de Coari.
spacer

UM COMENTÁRIO QUE VALE UM POST: ATITUDE

Eu recebo centenas de comentário aqui no blog. Alguns comentários são para acusar, outros para denegrir, alguns vêm recheados de palavrões, outros de ameaças. Mas o que vou publicar neste post revela uma palavra que eu ainda não havia percebido em nenhum post até agora: ATITUDE. O comentário abaixo, diz assim:

"Oi Daniel, sou funcionario da maior escola de educação Infantil do municipio de Coari e a escola mais moderna de educação infantil do estado do Amazonas, estou falando da minha querida DIRCE PINHEIRO. Querido povo de Coari, hoje (7) por volta das 16:00h os professores da referida es cola se reuniram e resolveram que, a partir de segunda-feira não irão para sala de aula com os alunos... Os mesmos irão para escola, porém só voltarão as atividades com as crianças, quando normalizar o pagamento.

Pois em reunião os mesmos reiventicaram perante a gestora que o pagamento dos professores é uma verba específica que o FUNDEB manda a cada mês e que eles nao têm culpa que a mal administração não sabe administrar esses recursos. No momento da reunião a gestora fez uma pequena ameaça em levar o nome da professora que deu a idéia, porém as outras em união e protesto resolveram assinar o nome em uma relação que sera emcaminhada para SEMED.

É um ato bastante lovavel, isso mostra que as pessoas realmente estão ficando revoltadas com essa situação. Pesso aos meus colegas professores que se unam com as professoras do turno vespertino pois nao podemos ficar com os braços cruzados. Na oportunidade quero saber cade aquele lindo discurso que a SECRETÁRIA de Educação Prof. Selionete tinha a um ano atrás. Será que o gato comeu junto com o nosso dinheiro? Minha querida nao me deixe ficar decepcionada com você o mínimo que deveria fazer se realmente é uma mulher digna é abandonar esse cargo. E o professor Arlindo onde está que nõo faz mais nada? Quantos discursos lindos, que pena era só balela.
spacer

COARI E A FARRA DOS ALUGUÉIS DE VEÍCULOS


Duas empresas ganharam contratos diferentes para alugar carros para a prefeitura de Coari. Uma é a empresa VMS AMORE - ME ganhadora do contrato 098/2010 no valor global de 3.762.800,00 (Três Milhões Setecentos e Sessenta de Dois Mil e Oitocentos Reais) e a outra é a empresa SZM BOMFIM que ganhou o contrato 99/2010 no valor de 1.274.400 (Um Milhão Duzentos e Setenta e Quatro Mil e Quatrocentos). Os dois contratos têm como objeto o aluguel de carros para a prefeitura de Coari e totalizam mais de 5 milhões de reais.

Segundo a publicação, o contrato atenderia a necessidade de locação de veículos para a Secretaria de Obras. Pelo jeito a frota é grande ou tem gente ganhando muito dinheiro com locação de veículos. A prova disto é o contrato milionário de 14 milhões também para locação de veículos.
spacer

O PALANQUE ÚNICO NO AMAZONAS

O governador Omar Aziz não contará com Dilma Roussef no seu palanque eletrônico. O motivo é simples. Dilma pertence ao PT, partido que decidiu "fechar" oficialmente com o PL, do senador Alfredo Nascimento. Subir no palanque de um candidato ao qual o PT não está coligado caracterizaria infração eleitoral, passível de cassação do registro da candidatura. Dilma não correria esse risco. A tese do palanque único, portanto, permanece. Dilma não poderá, por força da legislação eleitoral, sequer ter a foto ao fundo do programa de Omar na televisão. Nem mesmo Sinésio Campos, o líder petista que lidera o grupo pró Omar dentro do partido em crise, poderá utilizar o nome do governador em seus cartazes.

Então o que Omar conquistou no encontro com o Ministro Alexandre Padilha? Apenas a garantia de que o governo federal "tolera" que ele seja candidato - porque não vê outra saída ante a rebeldia de um aliado que não aceita a tese da candidatura única ao governo do Amazonas.

O quadro criado com o encontro de Omar com Padilha é confuso. O governador estaria bem melhor em palanque independente, ou com José Serra. Esse anunciado apoio do PT é virtual, não existe e nem existirá.

DO BLOG DO HOLANDA
spacer

CADÊ AS MÁQUINAS?


A empresa WILLEM WAGNER S. RODRIGUS/EPP - sob o CNPJ 04.262.432/0001-35 ganhou o contrato de nada menos que 14.738.616,00 (Quatorze Milhões Setecentos e Trinta e Oito Mil e Seicentos e Dezesseis Reais) para alugar máquinas pesadas para a prefeitura de Coari. Ocorre, que até agora as máquinas pesadas alugadas por esta empresa não apareceram, e pela pessoas que conhecem o empresário proprietário deste contrato mais que milionário é de conhecimento comum que a referida empresa realmente não possui nenhuma máquina de sua propriedade para alugar. A jogada seria exatamente ganhar muito dinheiro, ganhando a licitação e alugando máquinas de terceiros para novamente as alugar para a prefeitura de Coari. Detalhe: o proprietário da empresa é parente de um secretário municipal.

Se as máquinas da empresa vencedora do contrato de número 061/2010 no valor de quase 15 milhões não apareceram, outras máquinas de um outro contrato igualmente milionário chegaram em Coari. Trata-se das máquinas da empresa CONSERGE CONSTRUÇÃO E SERVIÇOS GERAIS LTDA, que venceu o contrato 090/2010 no valor de R$ 4.815.698,28 (Quatro Milhões Oitocentos e Quinze Mil, Seicentos e Noventa e OIto Reais e Vinte Centavos).

Quer dizer... A prefeitura de Coari contrata uma empresa por um valor de quase 15 milhões para alugar máquinas pesadas e depois contrata outra utilizando suas máquinas pesadas por quase 5 milhões para o ser viço de pavimentação asfática de algumas ruas de Coari. Sem contar que o Governo do Estado já declarou que irá fazer o asfaltamento da ruas da cidade de Coari, informação esta confirmada pelo prefeito em entrevista concedida à rádio. Assim, muitos indagam quais seriam os interesses por trás de contratos milionários com destinações quase semelheantes? A dúvida paira no ar.

Certamente, se o Governo do Estado vai fazer o asfaltamento por que um valor tão alto para pequenos reparos? Este dinheiro poderia ser investido no pagamento do funcionalismo público, fato que tem gerado um problema muito sério para os pais de famílias que dependem de seus vencimentos para sobreviverem.
spacer

DIA 6 DE MAIO E O PAGAMENTO DE ABRIL AINDA NÃO SAIU


O título deste post até rimou, mas não é um verso parte de uma boesia ou de uma bela canção, é na verdade uma peça da tragédia administrativa que se abateu sobre os funcionários de Coari. Contra fatos não há argumentos, e agora não tem como culpar o governo anterior, o sum iço da folha de pagamento, o sistema que foi mudado e tão pouco qualquer outro motivo que não seja a incompetência administrativa. Os funcionários de Coari ainda não receberam os seus salários do mês de Abril e tão pouco o calendário de pagamento foi divulgado.
spacer

A SERVIÇO DA COMUNIDADE


Quem estava acostumado com o locutor Walcione Tavares no programa "A Serviço da Comunidade", agora pode matar a saudade do mesmo na cópia que está indo ao ar na Rádio Cidade de Coari. O programa "Um Novo Tempo, a Serviço da Comunidade" está indo ao ar com a assinatura do governo municipal. A cópia está fazendo muitos coarienses lembrarem-se do locutor Walcione Tavares que atualmente apresenta um programa de grande audiência na cidade de Tefé (AM).

O programa da prefeitura de Coari é apresentado segundas, quartas e sextas na Rádio Cidade de Coari em uma tentativa de mostrar a população coariense as realizações da prefeitura de Coari. Uma missão bastante difícil para os locutores que precisam preencher o horário com muita informação, que está cada vez rara, sem falar que o formato "chapa branca" já conta com a antipátia "de cara" dos ouvintes. O programa é apresentado pelos locutores Walden Costa e Jaime Moreira.

Outra tentativa bem clara do programa de rádio é reverter a avaliação negativa do prefeito de Coari Arnaldo Mitouso, que em última pesquisa contava com a reprovação de quase 70% dos coarienses. Talvez, tenha acontecido um bom "puxão de orelhas" do Governador Omar Aziz ao chefe do executivo coariense, que enquanto estiver com a moral tão baixa com os coarienses fica difícil receber o apoio necessário. O grande problema é que mesmo tentando a equipe do governo não recebe muita ajuda de seu chefe: o calendário de pagamento ainda não foi anunciado, o décimo não foi pago e outros problemas na administração municipal complicam a situaçao do prefeito de Coari.
spacer

O LÍDER DE ARNALDO MITOUSO NA CÂMARA DE COARI


Na sessão de ontem foi apresentado oficialmente ao vereadores o líder da bancada governista na Câmara Municipal de Coari, trata-se do vereador Iranilson Medeiros (DEM), que com a função assume o papel de representar os interesses governistas, articular-se com os demais colegas do parlamento para a aprovação projetos de leis e outros.

O vereador naturalmente cotado para a função seria Adnamar Maciel (PMN) por ser do mesmo partido que o prefeito de Coari Arnaldo Mitouso e por fazer parte do projeto político que culminou na vitória de Arnaldo, no entanto, Adnamar ficou de fora da representatividade.

Elogiado por seus pares, Iranilson lembrou que a missão assumida não é fácil, principalmente pelos embates durante os discursos no plenário, uma vez que cabe naturalmente ao líder do governo no parlamento defender os ideais governistas. O vereador Dr. Natanael elogiando ao vereador Iran pela função afirmou que era mais do que justo que ele fosse o representante do governo, uma vez que ele adotou a postura de romper com o governo anterior assumindo todos os riscos da decisão.
spacer

NOVA PESQUISA NO BLOG: AVALIAÇÃO DOS VEREADORES


Que conceito você tem dos vereadores que estão exercendo mandato em Coari? Cada um pode avaliar subjetivamente a atuação de cada parlamentar coariense. A pesquisa é positiva, ou seja, serve para avaliar o melhor conceituado mas vai servir para o inverso também: aquele menos votado vai revelar quais os que estão desgastados.

A pequisa está do lado esquerdo, em uma das colunas. Deixe seu voto, afinal, como entes políticos os vereadores dependem da avaliação popular para se manter no mandato. Derrepente, através do blog possamos ter uma idéia de como o conceito de cada um anda.
spacer

GASTOS COM FESTA EM COARI JÁ SE APROXIMAM DE 1 MILHÃO DE REAIS


Aos poucos, os valores vão sendo somados e o custo total da festa para comemorar o dia do trabalhador e consequentemente o aniversário do prefeito de Coari que ocorreu na mesma data, vão aparecendo.

DE GRÃO EM GRÃO

Há um ditado popular que diz que "de grão em grão a galinha enche o papo", pois é, as licitações da festa realizada pela prefeitura no dia primeiro registra pequenos valores, que no final somam um grande desperdício de dinheiro público face a situação atual em que se encontra o município com atraso de pagamento de funcionários e fornecedores.

Os gastos com algumas empresas de evento somam na licitação R$ 635.080,00. Empresas como D.R.J COMUNICAÇÕES E EVENTOS LTDA que ganhou o lote 5, no valor de 381.790,00. Uma outra empresa a DIREÇÃO PRODUÇÃO LTDA - ME que ganhou o lote 4 no valor de 182.000,00, a G.H.S. MAIA que ganhou o lote 1 no valor de 26.050,00 e a 3M COMUNICAÇÃO E EVENTOS LTDA vencedora dos lotes 2,3,7,8 no valor de 45.240,00.

POPOZUDAS & CIA

As atrações culturais custaram aos cofres públicos 352.790,00, isto é, somente a Gaiola das Popozudas e Alcione: resta saber o quanto custou o show de piruetas dos motociclistas, que parece, foi o único que realmente agradou o povo. De qualquer forma somando os dois valores, até agora a festa custou pouco menos que 1 milhão de reais aos cofres da prefeitura de Coari.

A DURA REALIDADE

Depois da festa, os trabalhadores voltaram à dura realidade pois até o presente momento o calendário de pagamento ainda não foi informado. O décimo terceiro de 2009 não foi pago e muitos direitos continuam sendo desrespeitados.






spacer

PRÓXIMO GOVERNADOR TERÁ 34 BILHÕES


O próximo governador do Amazonas, a ser eleito este ano, terá pelo menos R$ 34 bilhões de orçamento para administrar o Estado nos próximos quatro anos de governo. Deste total, poderá escolher onde colocar cerca de R$ 6,8 bilhões que é o valor que terá para investimentos, já que a maior parte do orçamento tem "carimbo", ou seja, endereço certo, como pagamento de pessoal e manutenção da máquina pública.
spacer

PROCESSO CRIMINAL DO PREFEITO DE COARI É REDISTRIBUÍDO

Arnaldo Mitouso é o atual prefeito de Coari 
e responde processo criminal por homicídio.

O processo onde o atual prefeito de Coari Arnaldo Mitouso é acusado de assassinato do ex-prefeito de Coari Dr. Odair Carlos Geraldo foi redistribuído no dia 29 e está sob a responsabilidade da desembargadora ENCARNAÇÃO DAS GRAÇAS SAMPAIO SALGADO. O desembargador Rafael Romano determinou a redistribuição do processo do prefeito de Coari, pois a competência para julgar o caso é dos Desembargadores do Tribunal Pleno.

Desde que chegou ao Tribunal de Justiça, no dia 12 abril o processo estava parado todos esses dias no setor de autuação. Em seguida o processo subiu e encontrou-se no gabinete do relator desembargador Rafael de Araújo Romano da Segunda Câmara Criminal do TJAM e no dia 29 foi redistribuído encontrando-se sob a responsabilidade da desembargadora ENCARNAÇÃO DAS GRAÇAS SAMPAIO SALGADO.
spacer

COARI: QUASE 400 MIL REAIS FOI O QUE CUSTOU A GAIOLA DAS POPOZUDAS & CIA PARA OS COARIENSES


O valor da contratação das duas atrações nacionais para a festa do dia do trabalhador quase chega à 400 mil reais; faltou bem pouquinho para isto. A contratação com dispensa de licitação da empresa DIREÇÃO PRODUÇÕES LIMITADAS para trazer Alcione e a Gaiola das Popozudas custou aos cofres públicos 352.790 (Trezentos e Cinquenta e Dois Mil e Setecentos e Noventa Reais). Pelo valor das contratações artisticas as dispensas com a realização da festa devem ter sido o triplo disto.

Não há informação na publicação oficial do valor individual de cada atração, mas a somatória das duas chega a ser um valor considerável. O custo das atrações mostra que a prefeitura disponibilizou somas grandes de dinheiro, sem no entanto valorizar verdadeiramente o trabalhador que padece sem receber o mês de Abril, o décimo e os terços de férias.
spacer